Barra Cofina

Correio da Manhã

Boa Vida
6

Gondomar, um concelho com nome de rei

Raízes da pré-história presentes no município que contou também com a presença de povos romanos.
18 de Outubro de 2017 às 09:00
Vista exterior da Capela de Santo Isidoro no Monte Crasto
A praia fluvial de lomba fica na margem sul do rio douro e é um local muito visitado no verão
Os jardins, bem no centro da cidade, são locais com sombras e espaços verdes
Interior da casa e ateliê de Júlio Resende, pintor que nasceu no Porto mas que viveu em Valbom
A Praça Luís de Camões, no centro da cidade, é um dos locais a visitar no concelho de Gondomar
Vista exterior da Capela de Santo Isidoro no Monte Crasto
A praia fluvial de lomba fica na margem sul do rio douro e é um local muito visitado no verão
Os jardins, bem no centro da cidade, são locais com sombras e espaços verdes
Interior da casa e ateliê de Júlio Resende, pintor que nasceu no Porto mas que viveu em Valbom
A Praça Luís de Camões, no centro da cidade, é um dos locais a visitar no concelho de Gondomar
Vista exterior da Capela de Santo Isidoro no Monte Crasto
A praia fluvial de lomba fica na margem sul do rio douro e é um local muito visitado no verão
Os jardins, bem no centro da cidade, são locais com sombras e espaços verdes
Interior da casa e ateliê de Júlio Resende, pintor que nasceu no Porto mas que viveu em Valbom
A Praça Luís de Camões, no centro da cidade, é um dos locais a visitar no concelho de Gondomar
Gondomar tem inúmeras referências históricas. Vários achados revelam as velhas raízes da vivência humana neste local desde a pré-história. A exploração das minas de ouro nas regiões próximas comprova a permanência dos romanos nestas terras. Entre outras versões, a denominação ‘Gondomar’ é atribuída ao rei visigodo Gundemaro que, em 610, teria aqui fundado um couto.

Apesar de não haver vestígios dos cavaleiros visigóticos, Gondomar recebeu o primeiro foral em 1193, de D. Sancho I, que, mais tarde, foi confirmado pelo rei D. Afonso II, através das inquirições. No reinado de D. Manuel I é outorgado o segundo foral ao município de Gondomar, em 1515. Também estas terras férteis foram doadas a D. Margarida de Vilhena, concedendo-lhes direitos de renda.

Nos séculos seguintes e ao longo dos anos houve diversas modificações do estatuto de algumas freguesias – Melres Rio Tinto, Lomba e São Pedro da Cova – fizeram sempre parte do concelho. Mas ao município já pertenceram Avintes (hoje ligada à cidade de Vila Nova de Gaia) e Campanhã (freguesia do Porto, fronteiriça com os limites de Gondomar). Em 1868 foram incorporadas no concelho as freguesias de São Cosme, Valbom, Jovim, Foz do Sousa, Covelo e Medas. Em 1985 foi promulgada a lei de criação da freguesia de Baguim do Monte.
Em 1991, Gondomar ascende a cidade, o mesmo acontecendo com Rio Tinto, em 1995. Mais recentemente (janeiro de 2005), Valbom também ascende à categoria de cidade.

O rio Douro é o principal confidente deste município, que ao longo de 32 quilómetros – desde Melres até Valbom – acompanha Gondomar. Este concelho é detentor, através da sua relação com o rio, de um património etnográfico único, de costumes ancestrais, que o atestam a pesca da lampreia e a pesca artesanal, que ainda se praticam na freguesia da Lomba.

Gondomar, cidade que é considerada a ‘Capital da Ourivesaria’, é terra de bonitas paisagens. No verão, por exemplo, não há como escapar a uma ida a banhos na praia fluvial da Lomba, em pleno rio Douro. Também não há forma de evitar uma visita ao Lugar do Desenho – Fundação Júlio Resende; à Casa Gramido – na marginal de Valbom – e à capela Santo Isidoro no Monte Crasto.

Pavilhão foi projetado pelo arquiteto Siza Vieira
O Pavilhão Multiusos de Gondomar é um projeto do arquiteto Siza Vieira e assume-se como um dos maiores espaços fechados do género no País e que pode receber todo o tipo de espetáculos e campeonatos mundiais de várias modalidades. 
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)