Barra Cofina

Correio da Manhã

Albufeira
8
Especiais C-Studio
i
C- Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do Universo
É o local onde as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

Bolsa de quilómetros para ajudar os mais vulneráveis

Protocolo assinado com cooperativa de táxis beneficia as pessoas mais frágeis de Albufeira, os serviços sociais do município e diversas instituições do concelho
31 de Dezembro de 2020 às 09:02
Município assinou o protocolo de cooperação com a Albucoop, numa cerimónia que decorreu ao ar livre
Município assinou o protocolo de cooperação com a Albucoop, numa cerimónia que decorreu ao ar livre

O município assinou um protocolo de cooperação com a Albucoop – Cooperativa Rádio de Táxis de Albufeira C.R.L., no valor de 100 mil euros, numa cerimónia que decorreu no parque de estacionamento frente ao Tribunal de Albufeira, contíguo a uma das praças de táxis. Trata-se de uma bolsa de transportes que as associações de âmbito social, IPSS e pessoas individuais de comprovada vulnerabilidade podem requisitar para transporte a locais necessários, como consultas médicas e outras. Esta é mais uma ação integrante do programa "Município Presente", que visa amenizar os efeitos da covid-19 sobre a economia e as pessoas em condições vulneráveis.

Numa cerimónia que decorreu ao ar livre, o município assinou publicamente um protocolo de cooperação com a Albucoop, no sentido de ser criada uma bolsa de quilómetros a ser disponibilizada para a concretização de serviços de transporte de pessoas e bens, em casos devidamente justificados. Esta bolsa é colocada ao dispor dos serviços sociais do município e de diversas instituições, de acordo com normas elaboradas para o efeito.

As instituições abrangidas são: AHSA – Associação Humanitária Solidariedade Albufeira; APEXA – Associação de Apoio à Pessoa Excecional do Algarve; C.A.S.A. – Centro de Apoio aos Sem Abrigo do Algarve, delegação de Albufeira; Centro Paroquial de Paderne; Conferência de São José, de Ferreiras; Conferência de São Vicente de Paulo; Fundação António Silva Leal; e Santa Casa da Misericórdia de Albufeira.

Esforço para apoiar as atividades locais

"Tenho passado por praças de táxis cheias de carros vazios, quando esta é das atividades mais importantes do turismo, são estes profissionais quem recebe os turistas no aeroporto", salientou o presidente da Câmara Municipal de Albufeira, José Carlos Rolo, no preâmbulo do seu discurso, no qual referiu o esforço da autarquia que "já há dez meses tem vindo a apoiar" diversos setores, dadas as dificuldades sentidas pelos agentes da economia local. "E se os tempos têm sido difíceis, os que se aproximam não serão mais fáceis", referiu.

O edil fez ainda alusão à comparticipação financeira do município àquela cooperativa, em julho deste ano, no valor de 94.500 euros, com vista a minimizar os prejuízos provocados pela covid-19, ajudando os referidos empresários e incentivando o reinício da atividade. José Carlos Rolo prometeu ainda não cessar os apoios, referindo que, com estas medidas, se estão a "abrir futuras janelas de apoio".

Pagamento do Fundo de Apoio Empresarial foi concluído

Está concluído o pagamento das duas fases do Fundo de Apoio Empresarial, um dos instrumentos promovidos pela autarquia de Albufeira para apoiar a economia local em tempos de pandemia. O fundo implicou um investimento total de 1.182.000 euros divididos por duas fases. No total, foram aprovadas 591 candidaturas. Empresários em nome individual, sociedades comerciais, cooperativas e profissionais liberais foram os beneficiários.

O apoio traduziu-se na atribuição de uma verba de dois mil euros a fundo perdido, por cada uma das candidaturas aprovadas. Albufeira foi um dos municípios pioneiros na implementação deste instrumento de apoio.




Dezembro 2020