Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
7

Ex-ministro do Interior da Guiné-Bissau libertado

Juliano Fernandes foi ouvido por suspeita de entrada ilegal no país.
Lusa 2 de Julho de 2020 às 07:11
Bandeira da Guiné-Bissau
Bandeira da Guiné-Bissau FOTO: Getty Images
O antigo ministro do Interior da Guiné-Bissau Juliano Fernandes foi libertado, após ter sido detido pela polícia na quarta-feira quando atravessava a fronteira com o Senegal, disse hoje a Liga Guineense dos Direitos Humanos.

"Já foi libertado e já está em casa", disse o presidente da Liga Guineense dos Direitos Humanos, Augusto Mário Silva.

Um dos advogados que acompanhou o interrogatório disse que Juliano Fernandes foi ouvido por suspeita de entrada ilegal no país.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)