Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Irmã do rei de Espanha julgada por ligação a fraude fiscal

O juiz José Castro decidiu incluir a infanta Cristina entre os acusados de fraude fiscal.
Lusa 22 de Dezembro de 2014 às 09:23
Castro considerou que a acusação que dirige está legitimada para julgar isoladamente a infanta Cristina
Castro considerou que a acusação que dirige está legitimada para julgar isoladamente a infanta Cristina FOTO: Gerard Julien/AFP

A irmã do rei de Espanha, a infanta Cristina, vai ser julgada por um tribunal de Palma de Maiorca por cumplicidade nos crimes fiscais cometidos pelo seu marido, Iñaki Urdangarin, decidiu esta segunda-feira o juiz responsável pelo caso Nóos.

O juiz José Castro decidiu incluir a infanta Cristina entre os acusados de fraude fiscal no auto de abertura do julgamento

Contra os argumentos da defesa da irmã do rei, da autoridade tributária espanhola e do procurador público, José Castro considerou que a acusação que dirige está legitimada para julgar isoladamente a infanta Cristina, que arrisca assim uma pena até oito anos de prisão.

rei de Espanha infanta Cristina fraude fiscal
Ver comentários