Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
8

“Sejamos verdadeiros, vai custar”: Presidente da República admite 20 ou 30 mil infetados por coronavírus até 17 de abril

"O que importa é saber que o número de testes está a aumentar e bem", sublinhou porém Marcelo Rebelo de Sousa após Estado de Emergência.
Lusa 2 de Abril de 2020 às 21:14
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
Marcelo Rebelo de Sousa
O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, admitiu hoje que Portugal possa registar um número na ordem dos 20 ou 30 mil infetados com o novo coronavírus até 17 de abril.

"Sejamos verdadeiros: vai custar a ver os números de infetados atingir as duas ou três dezenas de milhares até ao dia 17? Vai. Mas o que importa é saber que o número de testes está a aumentar e bem, e que isso significa detetar mais infetados, que a maioria deles não é grave", afirmou o chefe de Estado.

Numa comunicação ao país, a partir do Palácio de Belém, em Lisboa, Marcelo Rebelo de Sousa considerou que "sobretudo que o que vai fazer a diferença é a percentagem de crescimento diário", referindo que "uma percentagem a descer é o surto a quebrar e a aproximar-se a viragem irreversível".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)