Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto
3

Rejeitada proposta para pôr fim à livre circulação de pessoas com a União Europeia

Maioria rejeitou proposta nacionalista de restrições à imigração.
Lusa 27 de Setembro de 2020 às 13:29
Imigração
Imigração FOTO: Vítor Mota
As projeções indicam que a restrição à entrada de cidadãos da União Europeia na Suíça, proposta por um partido nacionalista e que foi este domingo a votos no país, foi rejeitada pela maioria.

Segundo avançam as agências de notícias AP e AFP, as primeiras projeções do instituto de sondagens gfs-Bern, baseadas numa contagem parcial dos votos, sugerem que a maioria dos suíços votou contra a iniciativa popular apoiada pela União Democrática do Centro (UDC, na sigla em francês) que sugeria uma restrição ao número de cidadãos europeus com permissão para viver e trabalhar no país.

Esta iniciativa popular que pretende pôr fim à livre circulação de pessoas com a União Europeia (UE), à qual o Governo suíço manifestou oposição, deveria ter sido votada em maio, mas o referendo teve de ser anulado devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus.

União Europeia na Suíça política eleições suiça
Ver comentários