Barra Cofina

Correio da Manhã

Cm ao Minuto

TAP: Lacerda Machado "foi muito importante no aconselhamento"

Pedro Marques critica polémica em torno de Lacerda Machado.
Lusa 12 de Abril de 2016 às 12:46
Pedro Marques, ministro do Planeamento e das Infraestruturas
Pedro Marques, ministro do Planeamento e das Infraestruturas FOTO: Lusa

O ministro do Planeamento e das Infraestruturas afirmou esta terça-feira que Diogo Lacerda Machado deu um contributo importante nas negociações para devolver ao Estado 50% da TAP, considerando 'fait-divers' a polémica sobre o papel do antigo governante nas negociações.

"O doutor Diogo Machado foi muito importante no aconselhamento, contributo que nos deu a um título informal, que nos ajudou a consolidar a negociação, mas a responsabilidade política é minha e do meu ministério", afirmou Pedro Marques, à margem do 8º. Congresso Rodoviário Português, a decorrer em Lisboa.

Questionado sobre o papel de Diogo Lacerda Machado, Pedro Marques considerou que a polémica em torno do consultor, amigo pessoal de Anónio Costa, assenta em "'fait-divers' [facto sem relevância]".

"Andamos à volta de 'fait divers', quando o mais importante é o sucesso das negociações e em particular desta negociação para estabilizar a companhia", declarou o governante, sublinhando que "há sempre quem assessore este tipo de negociação, porque há detalhes mais técnicos".

Sobre a inexistência de um contrato formal, Pedro Marques remeteu para as declarações do primeiro-ministro, António Costa, que, em entrevista à TSF e ao Diário de Notícias, assumiu que Diogo Lacerda Machado o representou informalmente em várias negociações sensíveis que estão em curso, como na TAP, no caso dos lesados do papel comercial do Grupo Espírito Santo (GES) e também no BPI, nas reuniões entre Isabel dos Santos e o catalão Caixabank.

Depois de críticas, António Costa acabou de assinar um contrato com Lacerda Machado para que este continue nessas reuniões, mas já como representante oficial do Governo.

Pedro Marques afirmou hoje que "a questão do contrato é uma questão que está no gabinete do primeiro-ministro. O senhor primeiro-ministro já disse que está a ser estruturado um contrato".

Pedro Marques Diogo Lacerda Machado TAP política economia negócios e finanças
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)