Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
8

A guitarra é uma arma: The Last Internationale em Lisboa

Nova-iorquinos ofereceram esta quinta-feira um concerto explosivo.
Pedro Rodrigues Santos 8 de Fevereiro de 2019 às 16:50
A carregar o vídeo ...
The Last Internationale atuam em Lisboa

Os nova-iorquinos The Last Internationale ofereceram esta quinta-feira, em Lisboa, um concerto explosivo que irá perdurar por bastante tempo na memória do público que quase encheu o MusicBox. 

Segunda noite de uma mini-digressão de 11 datas pelo nosso país iniciada quarta-feira em Aveiro, o grupo de Edgey Pires (sim, é filho de portugueses de Arcos de Valdevez) e Delila Paz teve no centro da atuação o último álbum ‘Soul on Fire’, gravado nos estúdios Sá da Bandeira, no Porto, que esta sexta-feira saiu para rua.

Rebeldes e imprevisíveis, como já mostraram ser nas sucessivas aparições que já fizeram por terras lusas nos últimos anos, a banda suou e fez suar a audiência com o seu rock explosivo, marcado por letras política e socialmente comprometidas.

Esta sexta-feira à noite, os The Last Internationale sobem ao palco do Bang Venue, em Torres Vedras, seguindo-se sábado o Salão Brazil, em Coimbra.

A mini-digressão prossegue dia 14 no Stereogun, em Leiria, e a 16 no Hard Club, no Porto. Depois de um saltinho a Cáceres, Espanha, no dia 21, seguem para o Bafo de Baco, em Loulé, (dia 22) e para o Cine Teatro Grandolense, em Grândola (dia 23), terminando a tourné em Évora, a 24 fevereiro, no Teatro Garcia Resende.

Ver comentários