Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
3

Golden Globes: A grande noite do cinema em tempos de pandemia. Conheça os nomeados

Cerimónia decorre de forma virtual, a partir dos EUA, pelas 01h00 (hora de Lisboa) da madrugada do dia 1 de março.
Correio da Manhã 28 de Fevereiro de 2021 às 18:08
Filme 'Mank' e série 'The Crown' são os mais nomeados para Globos de Ouro
Filme 'Mank' e série 'The Crown' são os mais nomeados para Globos de Ouro FOTO: Getty Images
O último dia de fevereiro fica marcado pela cerimónia dos Golden Globe Awards de 2021. Tina Fey e Amy Poehler assumem o comando da cerimónia, transmitida virtualmente devido à pandemia da Covid-19 e à situação epidemiológica dos EUA. A primeira estará em Nova Iorque, no topo do Rockefeller Center, sede da NBC, e a segunda em Los Angeles, no local tradicional da festa, o Beverly Hilton Hotel. Pode assistir à cerimónia a partir das 01h00 (hora de Lisboa) desta segunda-feira, 1 de março.

Os nomeados para a 78.ª edição refletem o impacto da pandemia na indústria em 2020: desde ao adiamento de estreias em sala até ao cancelamento de festivais de cinema, as produtoras apostaram em força nas plataformas de 'streaming' como a Netflix, a HBO e a Amazon. Os estúdios tradicionais, como a Disney ou a Sony, não foram além das cinco indicações cada.

Segundo as contas da Associação da Imprensa Estrangeira em Hollywood, a Netflix soma 22 nomeações nas categorias de cinema e 20 nas de televisão (42, no total), seguindo-se a Amazon Studios com sete nomeações em cinema e a HBO em televisão. 

Melhor filme ( Drama)
"Mank", de David Fincher, produzido e estreado na Netflix, é o filme mais nomeado nesta edição dos Globos de Ouro, em seis categorias, incluindo as de Melhor Drama, Realização, Argumento (para Jack Fincher, pai do realizador), e Ator em Drama, para Gary Oldman.

O filme "Os 7 de Chicago", de Aaron Sorkin, também exibido por aquela plataforma, reúne cinco nomeações para os Globos de Ouro, em Melhor Drama, Realização, Argumento e representação masculina, com Sasha Baron Cohen.

"Nomaland-Sobreviver na América", "O Pai" e "Uma Miúda com Potencial" concorrem na mesma categoria.

Melhor realizador
Para o prémio de melhor realização há, pela primeira vez, três mulheres na lista: Emerald Fennell ("Promising young woman"), Regina King ("One night in Miami...") e Chloé Zhao ("Nomadland - Sobreviver na América"), às quais se juntam David Fincher ("Mank") e Aaron Sorkin ("Os 7 de Chicago").

Melhor filme estrangeiro
Para o Globo de Ouro de Melhor Filme Estrangeiro foram nomeados "Another round", de Thomas Vinterberg, "Uma vida à sua frente", de Edoardo Ponti, "La llorona", de Michael Chaves, "Deux", de Filippo Meneghetti, e "Minari", de Lee Isaac Chung.

Melhor Comédia ou Musical
Nesta categoria competem "Borat, o filme seguinte", "Hamilton", "Music", "Palm Springs" e "The Prom".

Séries e programas de televisão
"The Crown" (Netflix) lidera as nomeações, com seis Globos de Ouro, entre os quais Melhor Série de Drama. As atrizes Olivia Colman, Emma Corrin, Gillian Anderson, Helena Bonham Carter e o ator Josh O'Connor, do elenco desta série, estão nomeados.

Melhor atriz
Viola Davis ("Ma Rainey: A mãe dos Blues"), Andra Day ("Estados Unidos vs Billie Holiday"), Frances McDormand ("Nomadland"), Carey Mulligan ("Uma Miúda com Potencial") e Vanessa Kirby ("Pieces of a Woman") competem na categoria de melhor atriz.

Melhor ator
Na categoria de melhor ator encontram-se Riz Ahmed, ("Sound of Metal"), Cadwick Boseman ("Ma Rainey: A mãe dos Blues"), Anthony Hopkins ("O Pai"), Gary Oldman ("Mank") e Tahar Ramin ("O Mauritano").

Ver comentários