Barra Cofina

Correio da Manhã

Cultura
5

"Uma frustração gigantesca": Rock in Rio só regressa em 2021

É a mais recente baixa na agenda dos festivais de verão, depois do Primavera Sound e do Músicas do Mundo.
Miguel Azevedo 4 de Abril de 2020 às 01:30
Rock in Rio
Rock in Rio FOTO: João Miguel Rodrigues

O Rock in Rio Lisboa já não se realiza este ano. Por conta da crise pandémica, que já levou ao adiamento de outros festivais de verão como o Primavera Sound ou o Músicas do Mundo, a organização decidiu adiar a edição de 2020 e remarcá-la para os dias 19, 20, 26 e 27 de junho do próximo ano.

"Estamos com uma frustração gigantesca, mas o problema que estamos a viver é tão grave que o nosso estado de espírito só pode ser o de fazer a nossa parte da melhor maneira", desabafa ao CM Roberta Medina. "Por conta desta situação é a primeira vez que cancelo um festival e é a primeira vez que o Rock In Rio se realiza dois anos seguidos num mesmo país", diz ainda, referindo-se já à edição de 2022.

Os prejuízos são grandes, mas a vice-presidente do festival prefere mantê-los em segredo. Sobre o cartaz garante: "Estamos a fazer de tudo para manter os mesmos artistas". Os bilhetes já adquiridos são válidos para o próximo ano.

Suspensos mais de 24 mil espetáculos    
Há 7866 espetáculos cancelados, 15 412 adiados e  1537 suspensos, anunciou a APEFE (Associação de Promotores de Espetáculos, Festivais e Eventos), que fez um levantamento junto das principais empresas de bilhética nacionais relativamente a eventos com realização prevista entre 8 de março e 31 de maio.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)