Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Bruno Lage agradece apoio de Sérgio Conceição

“É um sinal de que aqui não há inimigos, há adversários”, garante treinador.
João Moniz 29 de Junho de 2020 às 01:30
Bruno Lage
Bruno Lage FOTO: Vitor Chi
Bruno Lage fez este domingo questão de agradecer o apoio público que lhe foi prestado por Sérgio Conceição. O treinador portista foi o primeiro a antever a 29ª jornada e foi questionado sobre a crise que assola o Benfica.

“Se gosto de ver discutido na praça pública um colega de profissão da forma que está a ser discutido o Bruno Lage? Não gosto”, respondeu o técnico dos dragões, completando: “Temos de aceitar este mediatismo, mas sinceramente não gosto de ver um colega de profissão... E esse respeito tenho pelo Bruno Lage, pelo Pepa [treinador do P. Ferreira], pelo Nuno Manta [Desp. Aves, último classificado da Liga], seja quem for...”

Uma hora depois, foi a vez de Lage falar aos jornalistas e, na última declaração da conferência de imprensa, devolveu o gesto de cortesia.

“Foi com agrado que recebi as palavras de Sérgio Conceição, quando disse que não gosta de ver um colega de profissão maltratado desta forma [expressão que o técnico portista não chegou a utilizar]. Ele melhor do que ninguém, porque teve a carreira que teve enquanto jogador e como treinador, sabe o que é esta vida”, referiu o técnico encarnado, acrescentando: “Recentemente também passou por esta situação e eu não fiquei feliz.

Quando a tal pergunta [sobre a eventual saída] aparecia, ele respondia sempre com categoria. É um sinal de que aqui não há inimigos, há adversários. Não lhe desejo sorte, porque a sorte dele não é a minha.”

Crise encarnada não beneficia Dragões 
Os jogadores do FC Porto não falam da crise do Benfica, garantiu Sérgio Conceição, quando questionado se essa circunstância era uma vantagem para a sua equipa.



Bruno Lage Lage Sérgio Conceição Benfica desporto futebol
Ver comentários