Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Canoagem: Portugal leva sete tripulações aos Europeus

Quatro das sete tripulações que Portugal vai apresentar nos Europeus de canoagem estarão ausentes de Londres2012, mas esperam melhorar resultados
18 de Junho de 2012 às 10:08
Helena Rodrigues, Teresa Portela, Joana Vasconcelos e Beatriz Gomes integram a equipa de K4
Helena Rodrigues, Teresa Portela, Joana Vasconcelos e Beatriz Gomes integram a equipa de K4 FOTO: Bruno Pires

Os K1 João Ribeiro e Joana Sousa, o K2 Filipe Duarte/David Fernandes acabam a época à procura de um resultado que compense o desalento de falhar o apuramento, enquanto a debutante Maria Santos promete lutar por um resultado que "motive mais jovens em Portugal a apostar na especialidade de canoas (C1)".

"Com certeza vou estar muito nervosa na altura da largada. São os meus primeiros Europeus. Faço canoagem há 18 anos, mas só há dois apostei nas canoas. Este ano trabalhei mais forte e consegui ir aos Europeus. Espero ir à final e com isso incentivar os mais novos", explicou, à agência Lusa a atleta do Saavedra Guedes.

João Ribeiro vai fazer K1 200 e 500: "Nos 500, que não são olímpicos, fui quinto nos Europeus de 2010, na minha única experiencia em K1 nesta distância. As perspectivas são as melhores e espero entrar na final e andar na frente".

"Nos 200 metros nunca andei na final, apenas no grupo do meio da final B. Vou dar o meu melhor e tentar a final. Esta prova nunca compensará a ausência de Londres2012, pois o meu sonho era estar nos Jogos Olímpicos. Um bom resultado atenua um bocadinho, será mais motivador para preparar o novo ciclo", completou o canoísta do Benfica.

Joana Sousa (CF Funchal) admite que foi "bastante complicado quando soube que não ia a Londres2012", mas agora a ideia é focar-se totalmente nos Europeus e tentar melhorar o 15.ª lugar da Taça do Mundo.

"Os 500 metros são uma distância olímpica, pelo que a prova vai ter muito boas atletas. Treinei os 500 metros para a Taça do Mundo e as coisas não correram muito bem. Vou dar o meu máximo e vamos ver como é que corre. Quero melhorar o resultado", vincou.

O K2 masculino espera igualmente um melhor desempenho do que no apuramento olímpico e Taça do Mundo nos 200 metros e vai tentar, acima de tudo, "ir à final dos 500 metros".

"Vamos sem objectivos concretos, apenas melhorar. Dar o máximo. Falhámos o verdadeiro objectivo, Londres2012, agora é para descontrair. Ideia é acabar a época com um resultado que nos faça pensar que somos capazes de estar no grupo da frente e não como há um mês atrás em que tudo correu mal", resumiu David Fernandes (CN Funchal).

Filipe Duarte (CN Prado) reconhece que "era difícil" ir aos Jogos Olímpicos, mas também admite que "pensava ficar um pouco mais perto dos melhores barcos". "Não foi fácil, mas isto 'incha, desincha e passa'. Passou algum tempo. Tentamos esquecer e arranjar motivação para competir", concluiu.

Os europeus da Croácia disputam-se de quinta-feira a domingo em Zagreb.

canoagem europeus
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)