Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Cerimónia emotiva assinala entrada de Kobe Bryant no 'Hall of Fame' do basquetebol

"Conseguiste, estás no 'Hall of Fame', és um verdadeiro campeão", resumiu Vanessa Bryant, ao lado do ídolo do marido, Michael Jordan.
Lusa 16 de Maio de 2021 às 12:58
Cerimónia emotiva assinala entrada de Kobe Bryant no 'Hall of Fame' do basquetebol
Cerimónia emotiva assinala entrada de Kobe Bryant no 'Hall of Fame' do basquetebol FOTO: Getty Images
Kobe Bryant entrou oficialmente no 'Hall of Fame', um momento assinalado esta madrugada numa cerimónia emotiva na qual a mulher do basquetebolista, que morreu num acidente de helicóptero, recordou "um verdadeiro campeão".

"Conseguiste, estás no 'Hall of Fame', és um verdadeiro campeão", resumiu Vanessa Bryant, ao lado do ídolo do marido, Michael Jordan, que não conteve as lágrimas ao ouvir que Kobe Bryant o admirava.

Emocionada, a viúva da lenda do basquetebol norte-americano começou por notar ter sempre "evitado elogiar" o marido em público, por ter "a impressão que ele já recebia suficientes elogios por parte de fãs do Mundo inteiro e que alguém devia trazê-lo de volta à realidade".

"Neste momento, tenho a certeza que ele está a rir-se no paraíso, porque estou a ponto de felicitá-lo pelas suas conquistas num dos cenários mais públicos que existem [..]. Um dia disse-me: 'se tiveres de apostar em alguém, aposta em ti mesmo'. Estou contente que tenhas apostado em ti, porque superaste todas as expectativas. [...] És um dos maiores de todos os tempos", enalteceu, diante das filhas Natalia, Capri e Bianka.

Vanessa Bryant disse que adoraria que o marido estivesse presente na cerimónia que assinalou, em Uncasville (Connecticut), a sua entrada no 'Naismith Memorial Basketball Hall of Fame', assim como a dos seus 'contemporâneos' Tim Duncan, cinco vezes campeão da NBA com os San Antonio Spurs, e Kevin Garnett, que conquistou um 'anel' com os Boston Celtics em 2008.

"Ele e a Gigi mereciam estar aqui para assistir a isto. Há uma longa lista de pessoas a agradecer, que o inspiraram e lhe deram os meios para entrar no 'Hall of Fame'. Família, amigos, mentores, os Lakers, os seus colegas e adversários", enumerou.

Em 26 de janeiro de 2020, o eterno ex-basquetebolista dos Los Angeles Lakers perdeu a vida, num trágico acidente de helicóptero que também vitimou a sua filha Gianna, de apenas 13 anos.

Cinco vezes campeão da NBA e bicampeão olímpico, Kobe é considerado um dos melhores jogadores da história do basquetebol, um dos poucos que conseguiu, pela forma de jogar, o carisma e a fome de vencer, ser comparado a Michael Jordan.

Michael Jordan Kobe Vanessa Bryant Hall Fame NBA desporto basquetebol questões sociais
Ver comentários