Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Nélson Veríssimo quer ganhar mas diz que “Taça da liga não salva a época”

Treinador do Benfica quer ganhar a Taça da Liga, mas não descarta ainda a possibilidade de vencer o campeonato, o grande objetivo da época para as águias.
Filipe António Ferreira 25 de Janeiro de 2022 às 08:38
Nélson Veríssimo disse que os jogadores “têm sido inexcedíveis” na adaptação às suas ideias
Nélson Veríssimo disse que os jogadores “têm sido inexcedíveis” na adaptação às suas ideias FOTO: Direitos Reservados
"A conquista da Taça da Liga não vai salvar a época”, disse ontem Nélson Veríssimo, na antevisão do jogo desta terça-feira, em Leiria, com o Boavista, na final four da prova.

O técnico do Benfica reconhece que o próximo jogo é sempre o mais importante, mas não descarta o campeonato: “O nosso principal objetivo é a conquista da Liga. Estamos conscientes das dificuldades, mas ainda estamos envolvidos nessa luta. Para já, pensamos no jogo com o Boavista.”

Para o técnico, o duelo com os axadrezados tem “um grau de dificuldade acrescido”. “Sabemos que para ganhar a competição ainda temos dois jogos que serão certamente difíceis pela frente. Temos de dar importância a este jogo, que será frente uma equipa competitiva. Queremos vencer para passarmos à final da competição e ganhá-la. É essa a tónica”, salientou.

O Benfica, que procura a oitava final da Taça da Liga do seu historial (conquistou sete e é recordista da competição), não pode contar com Otamendi e Darwin, que se encontram ao serviço das seleções da Argentina e Uruguai, respetivamente.

“A ausência de alguns jogadores é uma oportunidade para outros, assim como quando algum se lesiona, não podendo dar o seu contributo à equipa, abre uma oportunidade para outro jogador, como foi o caso do Henrique [Araújo], para treinar ou jogar. E nós temos de estar preparados para isso”, garantiu o técnico dos encarnados.

O mau momento exibicional da equipa é algo que deixa Nélson Veríssimo desconfortável. “Preocupa-me tudo, o processo ofensivo, defensivo, as bolas paradas... Sentimos que há algumas correções a fazer, principalmente no processo defensivo. Estamos a fazer algumas alterações. É difícil dizer até que ponto esta equipa já está com a ideia do treinador. O modelo vai-se construindo ao longo do processo, está em constante evolução. Há sempre coisas para corrigir. O nosso foco tem sido mais no processo defensivo da equipa”, terminou.

Desde que chegou à equipa principal (pela segunda vez), o técnico das águias conta com duas vitórias, um empate e uma derrota.

“Queremos fazer história”
“É um troféu que nos faz falta, ainda não o temos. Queremos fazer história com estes jogadores e vamos trabalhar para isso. Temos algumas ausências, mas vamos apresentar um onze forte”, disse Petit, técnico do Boavista.

PORMENORES
Segurança em Leiria
Algumas ruas em volta do Estádio da U. Leiria vão estar condicionadas. O recinto abre as portas às 17h30. Os detentores de bilhetes têm de apresentar um teste negativo, certificado de vacinação completa ou ainda certificado de recuperação.

Gedson de saída
“Daquilo que é meu conhecimento, o Gedson pode estar de saída do clube, mas obviamente ainda não há confirmação oficial”, disse Nélson Veríssimo sobre o médio das águias que está a caminho do Galatasaray.
Ver comentários