Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Piloto Romain Grosjean deverá ter alta na terça-feira após acidente no GP de Fórmula 1 Bahrain

Carro do piloto francês tocou no Alpha Tauri do russo Daniil Kvyat e foi embater nas barreiras, partindo-se em dois e incendiando-se.
Lusa 30 de Novembro de 2020 às 11:20
O piloto já disputou 63 corridas na categoria rainha do desporto automóvel
O piloto já disputou 63 corridas na categoria rainha do desporto automóvel FOTO: Martin Bosco/EPA
O piloto francês Romain Grosjean deverá ter alta hospitalar na terça-feira, depois do violento acidente no Grande Prémio do Bahrain de Fórmula 1, no domingo, anunciou esta segunda-feira a escuderia Haas.

Em comunicado, a equipa refere que Grosjean "prossegue a recuperação no hospital no Bahrain, onde passou a noite", acrescentando que "o tratamento das queimaduras nas costas das mãos está a correr bem".

A escuderia norte-americana informou que o piloto recebeu a visita do chefe da equipa, Guenther Steiner, e vai ter alta na terça-feira.

A Haas também adiantou que Grosjean vai falhar o Grande Prémio de Abu Dhabi e será substituído pelo brasileiro Pietro Fittipaldi, que vai fazer a sua estreia na Fórmula 1.

Logo na primeira volta do GP Bahrain, a 15.ª e antepenúltima corrida da temporada, o carro do piloto francês tocou no Alpha Tauri do russo Daniil Kvyat e foi embater nas barreiras logo após a terceira curva, partindo-se em dois. O combustível incendiou-se e envolveu o Haas numa bola de fogo.

Grosjean conseguiu sair do habitáculo pelos próprios meios, 28 segundos após o acidente, mas, de acordo com o boletim divulgado pela equipa, sofreu ligeiras queimaduras nos pulsos e tornozelos, sendo transportado a um hospital local por haver suspeita de fratura de algumas costelas.

Bahrain Romain Grosjean Haas desporto desportos motorizados Fórmula 1 acidentes e desastres
Ver comentários