Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Quaresma: “Chamaram-me cigano o jogo todo”

Ricardo Quaresma explicou os incidentes ocorridos no jogo entre FC Porto e o Nacional.
7 de Maio de 2014 às 09:45
Ricardo Quaresma, jogador do FC Porto
Ricardo Quaresma, jogador do FC Porto FOTO: CMTV

"Andei o jogo todo a ouvir muita coisa... cigano e outras coisas", afirmou ontem Ricardo Quaresma, jogador do FC Porto, em declarações à revista do Sindicato de Jogadores Profissionais de Futebol, admitindo ter "perdido o controlo" depois do jogo entre o Nacional e o FC Porto (2-1), na Madeira, quando se envolveu numa acesa troca de palavras com Gomaa e Marçal, jogadores do clube madeirense. "Parecia que eu tinha matado meio Mundo. Não dei um bom exemplo, mas toda a gente falha", acrescentou o extremo portista, de 30 anos.

Quando questionado sobre a eventual presença no Mundial de 2014, no Brasil, Quaresma disse que a "esperança é sempre a última a morrer", reconhecendo que Paulo Bento o conhece como ninguém: "Sempre tive uma boa relação com ele, é uma pessoa que eu respeito e admiro muito. Aprendi muito com ele".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)