Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

RIO TEJO INVADIDO PELO F1 DOS MARES

As águas do Rio Tejo estão prontas a receber, no próximo domingo, num percurso compreendido entre a Ponte 25 de Abril e Belém, mais um grande evento desportivo , nomeadamente o Lisboa Grand Prix Portugal, prova inaugural da Class 1 Offshore, que integra o Mundial de Motonáutica.
21 de Maio de 2003 às 00:00
Motivos de atracção não faltam para que o público compareça em grande força (este evento, pela sua natureza, é grátis), isto para poder apreciar os Fórmula 1 dos mares, que são equipados com dois motores de 1000 cavalos cada que podem levar estes ‘monstros’ a deslizar pelas águas do Tejo a 250 km/hora.
As primeiras equipas já começaram ontem a chegar a Lisboa, onde vão ultimar todos os pormenores para a prova. A abrir as festividades, Lisboa poderá apreciar uma parada nunca antes vista, com os barcos participantes e as respectivas tripulações a desfilarem amanhã, em camiões, entre as 14h30 e 16h30, entre o Marquês de Pombal e os Restauradores.
Alguns dos bólides que vão acelerar nesta prova já estão estacionados junto à Doca de Alcântara – zona escolhida como quartel-general. Para que se perceba a grandiosidade basta dizer que estes F1, comandados por dois tripulantes, são do tipo catamaran, com 14 metros de comprimento por quatro de largura, construídos em fibra de carbono, kevlar e epoxy, pesando cerca de cinco toneladas.
Cada motor debita 1000 cavalos de potência e cada hélice pode custar 25000 euros. Desta maneira, o espectáculo está mais que garantido.
Ver comentários