Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Ronaldo e Bruno Fernandes marcam, 'Juve' e 'Barça' nos oitavos de final

Juventus esteve a perder mas acabou por dar a volta no encontro do Grupo G e 'carimbou' a passagem à fase seguinte.
Lusa 24 de Novembro de 2020 às 22:57
Cristiano Ronaldo
Cristiano Ronaldo FOTO: Reuters
Juventus, com um golo de Cristiano Ronaldo, e FC Barcelona asseguraram hoje um lugar nos 'oitavos' da Liga dos Campeões de futebol, com triunfos nos respetivos jogos da quarta jornada, na qual Bruno Fernandes assinou um 'bis'.

Na receção ao Ferencvaros, a Juventus esteve a perder, por culpa de um golo do albanês Myrto Uzuni, aos 19 minutos, mas acabou por dar a volta no encontro do Grupo G e 'carimbou' a passagem à fase seguinte, quando faltam disputar duas jornadas.

A formação de Turim, que, pela primeira vez em 123 anos de história e ao fim de 4.371 partidas oficiais, iniciou um encontro com uma defesa -- incluindo o guarda-redes - composta só por estrangeiros, chegou ao empate por Cristiano Ronaldo, aos 35 minutos, para o golo 131 na 'Champions', e consumou a reviravolta aos 90+2, através do suplente espanhol Álvaro Morata.

Os italianos mantêm-se no segundo lugar, com nove pontos, menos três do que o líder FC Barcelona, que goleou por 4-0 na visita ao Dinamo de Kiev e também estará na próxima fase da prova. A formação ucraniana e o Ferencvaros, ambos com um ponto, já só podem almejar um lugar na Liga Europa.

Mesmo com 'onze' de 'segundas linhas', sem Lionel Messi, mas com o português Francisco Trincão entre os titulares, os catalães deram sequência ao percurso 100% vitorioso no Grupo G, graças aos golos do norte-americano Sergino Dest, aos 52 minutos, do dinamarquês Martin Braithwaite, aos 57 e 70, o segundo de penálti, e do suplente francês Antoine Griezmann, aos 90+2.

Juventus e FC Barcelona juntam-se, assim, a Chelsea e Sevilha no lote de equipas já apuradas para os 'oitavos'. Os ingleses bateram o Rennes por 2-1, com golos de Callum Hudson-Odoi e Olivier Giroud, e dividem a liderança do Grupo E com os espanhóis, que venceram o Krasnodar pelo mesmo resultado, com tentos de Iván Rakitic e Munir El-Haddadi.

Num grupo H ainda em aberto, o Manchester United venceu por 4-1 na receção aos turcos do Basaksehir e isolou-se na liderança, com nove pontos. A grande figura voltou a ser o internacional português Bruno Fernandes, que marcou os dois primeiros golos, aos sete e 19 minutos, antes de Marcus Rashford ampliar a vantagem, aos 35, de grande penalidade.

No segundo tempo, o Basaksehir, que é último colocado do grupo, com três pontos, reduziu, por Deniz Turuc, aos 75 minutos, só que Daniel James, aos 90+2, 'selou' a vitória dos 'red devils', que têm agora mais três pontos do que Paris Saint-Germain e Leipzig.

Depois de na jornada anterior terem permitido a reviravolta dos alemães (2-1), os franceses não permitiram a mesma veleidade e conseguiram capitalizar a grande penalidade convertida por Neymar, aos 11 minutos, e vencer por 1-0, numa partida em que Danilo Pereira voltou a figurar no 'onze' dos parisienses.

Por seu lado, Borussia Dortmund e Lazio deram passos importantes para seguirem para a próxima fase, superando Club Brugge e Zenit, respetivamente, no Grupo F.

Com Raphaël Guerreiro de início, o Borussia venceu os belgas por 3-0, com dois golos do norueguês Erling Haaland, aos 18 e 60 minutos, para um total de 15 nos primeiros 12 jogos na 'Champions', recorde da competição, e um do inglês Jadon Sancho, aos 45, e lidera o grupo, com nove pontos.

Os italianos, que superaram os russos por 3-1, com tentos de Ciro Immobile, aos três e 55 minutos, e Marco Parolo, aos 22, somam oito pontos, contra quatro dos belgas e um dos russos, pelos quais marcou Artem Dzyuba, aos 25.

Na quarta-feira, prosseguem os jogos da quarta jornada, um dos quais a visita do FC Porto ao Marselha, relativa ao Grupo C, a partir das 20h00 (hora de Lisboa).

Ver comentários