Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Vítor Hugo Valente vai a votos no Vitória de Setúbal

Ato eleitoral marcado dentro de 30 dias.
Mário Figueiredo 19 de Dezembro de 2019 às 08:16
Vítor Hugo Valente
Vítor Hugo Valente FOTO: José Reis
Vítor Hugo Valente vai a votos, apesar da onda de demissões verificada na direção do V. Setúbal, apurou o Correio da Manhã.

O presidente dos sadinos continuará a gerir os destinos do clube – com algumas limitações – até à marcação de eleições pelo presidente da Mesa da Assembleia-Geral, Cardoso Ferreira. Vítor Hugo Valente já está a preparar a reeleição.

"Só hoje [esta quarta-feira] ao meio-dia é que recebi as cartas de cinco demissões. Tenho agora, segundo os estatutos, 30 dias para marcar eleições, sendo que o ato eleitoral terá de ser anunciado com 15 dias de antecedência. No final de janeiro ou no início de fevereiro haverá eleições", disse Cardoso Ferreira ao CM.

"Havia sete elementos na direção, ficaram dois [Vítor Hugo Valente e José Condeças] e demitiram-se cinco [Paulo Gomes, Rogério Sousa, Bruno Rodrigues, José Fidalgo e Mário Santos]", afirma Cardoso Ferreira, revelando que das dez demissões anunciadas na terça-feira "cinco [Sérgio Casal, Aldo Nascimento, António Ramos, António Santana e Luís Jacob] são de diretores do clube, ou seja, não foram eleitos pelos sócios".

PORMENORES
Pré-candidatos
Além de Vítor Hugo Valente, também o ex-vice presidente, Pedro Gaiveo, já manifestou o interesse de ir a votos, O vice-presidente demissionário, Paulo Gomes, e o filho de Fernando Oliveira, Paulo Oliveira, também poderão avançar.

V. Setúbal em 7º
O V. Setúbal já passou por momentos conturbados que resultaram no despedimento do técnico Sandro, mas atualmente está estabilizado no 7º lugar da Liga. com 19 pontos. Os sadinos recebem o Benfica no domingo (20h00) para a Taça da Liga.
Vítor Hugo Valente Setúbal Cardoso Ferreira Correio da Manhã Paulo Gomes desporto futebol
Ver comentários