Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Adeptos pedem grego Samaris no onze do Benfica

Benfiquistas entendem que o médio deve entrar na equipa pela qualidade, mas também pela experiência que tem neste momento complicado.
Filipe António Ferreira e João Moniz 17 de Fevereiro de 2020 às 08:02
Samaris
Samaris insurgiu-se contra Raúl Silva
Samaris
Samaris insurgiu-se contra Raúl Silva
Samaris
Samaris insurgiu-se contra Raúl Silva
Uma grande maioria dos adeptos do Benfica quer que o treinador Bruno Lage coloque o grego Andreas Samaris no onze titular, apurou o CM.

A exigência de uma franja significativa de benfiquistas não é de agora, mas as duas derrotas consecutivas da equipa para o campeonato com o FC Porto e Sp. Braga fizeram aumentar este movimento nas redes sociais.

Os adeptos entendem que, neste momento e face às ausências de André Almeida e Jardel (ambos lesionados), a falta de liderança em campo é gritante, o que tem tido consequência direta nos resultados. O médio grego é um dos mais antigos no plantel (vai na sexta época na Luz) e é visto pelos colegas como uma das vozes mais respeitadas.

O facto de o reforço alemão Julian Weigl ainda não ter convencido na totalidade leva também os benfiquistas a exigirem a presença de um jogador que foi muito importante na segunda volta do campeonato da temporada passada e que acabou com o 37º título de campeão dos encarnados.

A entrada de Samaris no onze pode acontecer já na quinta-feira, ante os ucranianos do Shakhtar Donetsk para a Liga Europa. O grego, de 30 anos, pode jogar em qualquer posição no centro do meio-campo, mas também no eixo da defesa.

Samaris pode ser a solução para os problemas defensivos que a equipa tem sentido, nomeadamente pelo central Ferro. O jogador é médio de origem, mas chegou a ser utilizado como central em situações de escassez para a posição, tendo cumprido.

O número de golos sofridos ultimamente – nove em cinco jogos – é um dos problemas que Bruno Lage quer corrigir rapidamente.

Esta época, Samaris tem 16 jogos, sendo titular em metade.

Luís Filipe Vieira foi ao balneário motivar
A derrota com o Sp. Braga (0-1), a segunda consecutiva depois do FC Porto (2-3), provocou um desalento grande nos jogadores, apurou o CM, que sentiram o descontentamento vindo das bancadas da Luz com alguns assobios.

Luís Filipe Vieira, como é habitual, desceu ao balneário para motivar as tropas. Lembrou que a equipa continua em primeiro e a depender só de si para revalidar o título de campeão (além de ainda estar na Liga Europa e na final da Taça de Portugal, onde defrontará o FC Porto). Ainda assim, o presidente das águias lembrou que é preciso concentração máxima em todos os momentos, nomeadamente nas marcações defensivas, que têm sido o calcanhar de Aquiles da equipa nos últimos jogos.

Até final do mês, os encarnados têm ainda dois jogos decisivos para a equipa nas provas europeias. Quinta-feira, o Benfica defronta, na Ucrânia, o Shakhtar, na primeira mão dos 16 avos-de-final da Liga Europa. Segue-se o jogo do campeonato na segunda-feira seguinte (dia 24) com o Gil Vicente. Depois, a decisão sobre a continuidade encarnada nas provas europeias no segundo jogo com a equipa orientada pelo português Luís Castro, no Estádio da Luz. Seguem-se dois encontros para a Liga, em casa, com o Moreirense e, depois, com o V. Setúbal, no Estádio do Bonfim. Estes dois encontros já em pleno mês de março.

Bernardo admite regresso
"Já o disse várias vezes. Tenho este vazio que é ter saído um bocadinho cedo do Benfica e acho que vou voltar. Acredito que, se me quiserem lá, vou voltar", disse o médio Bernardo Silva (Manchester City) à Eleven Sports. O jogador, de 25 anos, disse manter-se muito atento ao campeonato português e à prestação da antiga equipa. Bernardo Silva deixou o Benfica em 2014, rumando ao Mónaco. Esteve em apenas três jogos pela equipa principal das águias, então treinada por Jorge Jesus.

Episódio com Raúl Silva
Samaris protagonizou um momento tenso com Raúl Silva no final do jogo com o Sp. Braga. O central dos minhotos fez um gesto provocatório para os adeptos do Benfica. O grego dirigiu-se de imediato ao brasileiro exigindo contenção.

Águias jogam mais seis vezes em casa
O Benfica tem mais 13 jogos até final do campeonato, sendo que apenas seis deles são em casa. As deslocações mais complicadas são, à partida, aos campos do Rio Ave e do Famalicão. Na última jornada recebe o Sporting.

Equipa B vence cova
O Benfica B recebeu e venceu o Cova da Piedade por 2-0 em jogo da 21ª jornada da II Liga. Dos Anjos e Chrien marcaram para as águias, que tiveram no onze Svilar, Morato e David Tavares, jogadores que habitualmente treinam na equipa A. O Benfica B é 13º, com 27 pontos.

PORMENORES
Pior série de sempre
Bruno Lage tem apenas três derrotas na Liga desde que chegou ao Benfica (janeiro de 2019). Duas delas foram nos dois últimos jogos. Três encontros sem vencer, se juntarmos o empate (1-1) com o Famalicão, fora, para a Taça de Portugal (Benfica avançou para a final).

Equipa B não viaja
A equipa B do Benfica, orientada por Renato Paiva, já não viaja para Inglaterra, onde ia disputar a Premier League International Cup frente ao Swansea, devido a um surto de papeira no centro de treinos do clube inglês, onde os encarnados iriam estagiar.

Benfica vence dérbi
O Benfica foi este domingo à academia do Sporting, em Alcochete, vencer por 3-0 em partida da 11ª jornada da segunda fase da zona sul do Campeonato Nacional de Iniciados. Apesar da derrota com o rival, os leões lideram com mais um ponto que as águias.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)