Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

DGS diz que Autoridade de Saúde não obteve resposta em tempo útil no caso dos falsos positivos do Sporting

Direção Geral de Saúde diz que surtos de Covid-19 nos clubes são da resposabilidade da Autoridade de Saúde territorialmente competente.
Correio da Manhã 20 de Janeiro de 2021 às 10:40
Frederico Varandas
Frederico Varandas FOTO: Luís Manuel Neves
A Direção Geral de Saúde esclareceu esta quarta-feira que os casos de surtos ou infetados em clubes de futebol são responsabilidade da Autoridade de Saúde territorialmente competente.

A DGS sublinha que no caso dos falsos positivos do Sporting, que motivou duras críticas de Frederico Varandas, a Autoridade de Saúde competente solicitou por escrito ao diretor médico da Unilabs-Portugal informação sobre se os "resultados analíticos dos dois jogadores que estavam a ser avaliados constituíam falsos positivos", mas não obteve resposta em tempo útil.

O presidente do Sporting arrasou a gestão do caso por parte das autoridades de saúde e culpou as entidades por não ter conseguido utilizar Nuno Mendes e Sporar na meia-final da Taça da Liga, ambos com testes falsos positivos.
Autoridade de Saúde DGS Sporting Direção Geral de Saúde desporto futebol saúde
Ver comentários