Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Eleições do Benfica realizam-se na quarta-feira

Todas as listas, com a exceção da encabeçada por Luís Filipe Vieira, criticam o presidente da Mesa da Assembleia-Geral.
Ricardo Tavares 24 de Outubro de 2020 às 09:46
Virgílio Duque Vieira, presidente da  Mesa da Assembleia-Geral do Benfica
Virgílio Duque Vieira, presidente da Mesa da Assembleia-Geral do Benfica FOTO: SL Benfica
As eleições do Benfica foram antecipadas para a próxima quarta-feira. A decisão da Mesa da Assembleia-Geral já gerou críticas de todas as candidaturas, exceto da que encabeça Luís Filipe Vieira.

As restrições de circulação decretadas pelo Governo por causa da pandemia de Covid-19 estão na origem da mudança da data, como comunicou esta sexta-feira o presidente da Mesa da Assembleia-Geral, Virgílio Duque Vieira, que reuniu com as quatro candidaturas no Estádio da Luz. Considerando os estatutos dos encarnados, a assembleia-geral eleitoral teria de decorrer entre os dias 24 e 30 de outubro, argumenta a Mesa da Assembleia-Geral.

Vítor Paneira, mandatário de Noronha Lopes, queixou-se de a decisão não ter sido discutidas, mas, sim, "comunicada". A lista B sugeriu a realização da AG eleitoral a 7 de novembro (sábado) e a lista D, encabeçada por Gomes da Silva, lamentou não haver "direito a contraditório" . Já o ‘vice’ da lista C, Bruno Costa Carvalho , comentou que as eleições na quarta-feira são contra a vontade da sua equipa.

O ato eleitoral estava inicialmente marcado para a próxima sexta-feira.

Vieira nega ‘apoio’ de Pinto da Costa
"Se alguém me critica bastante é o sr. Pinto da Costa. Ele sabe quem eram os presidentes ideais para ele", afirmou, esta sexta-feira, Luís Filipe Vieira, em entrevista à Antena 1, negando o apoio do homólogo às eleições encarnadas, depois de terem sido lançadas suspeitas nesse sentido pelos seus opositores. O dirigente encarnado falou também dos processos judiciais que enfrenta. "Não cometi nenhum ato ilícito no Benfica ou que pusesse a minha honestidade em causa. O Benfica nunca me protegeu nem irá proteger",disse o presidente benfiquista.
Ver comentários