Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

"Este penálti nunca seria revertido no Estádio do Dragão ou no Estádio da Luz": Varandas critica VAR após Clássico polémico

Jogo entre Sporting e FC Porto ficou marcado por um possível penálti que gerou polémica.
Correio da Manhã e Record 17 de Outubro de 2020 às 23:30
O presidente do Sporting, Frederico Varandas, deixou fortes críticas à arbitragem após o Clássico polémico que culminou num empate entre leões e dragões.

"Hoje o Sporting está triste porque perdeu dois pontos e acho que o futebol português também está triste porque teima em não mudar. Já vi o lance várias vezes, e só faço uma pergunta: este mesmo lance, este possível penálti, sabem quando é que era revertido no Estádio do Dragão ou na Luz? Nunca, nunca. O árbitro vê empurrão nas costas, assinala penálti, depois o VAR analisa se há intensidade, se é dentro ou fora da área. É o costume... o VAR deve analisar num erro clamoroso. Para mim é penálti, é. O jogador leva um encosto no ar, para mim é penálti. Foi marcado, em Alvalade, é revertido. Mas também vi em Tondela o Doumbia ser pisado, o árbitro bem a mostrar o vermelho, o VAR chamou e reverteu em amarelo. Também vi um penálti claríssimo em Moreira de Cónegos que o mesmo VAR de hoje não viu. O VAR chamou o árbitro, viu mas o árbitro continuou a achar que não era penálti", afirmou o presidente leonino.

Frederico Varandas sublinhou novamente que o futebol deveria estar triste. "São estas coisas que acontecem no futebol português mas sobretudo ao Sporting. O mesmo VAR não vê o vermelho direto ao Zaidu, qual é a dúvida? E é por isso que acho que o futebol português devia estar triste. Infelizmente, em Portugal, para triunfar só por mérito, é muito difícil. No futebol ainda mais. Não interessa se a pessoa foi apanhada em escutas, se tem processos judiciais, interessa é se tem poder, se ganhou e aí todos prestam vassalagem", relembrou.
Estádio da Luz VAR Frederico Varandas Clássico desporto futebol críticas
Ver comentários