Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

"Futebol português é o que mais comete anti-jogo na Europa", afirma Jorge Jesus

Treinador das águias fez a antevisão à partida com o Belenenses SAD.
Correio da Manhã 7 de Março de 2021 às 14:57
Jorge Jesus
Jorge Jesus FOTO: Direitos Reservados

Jorge Jesus falou aos jornalistas na habitual conferência de imprensa, antes do encontro com o Belenenses SAD, esta segunda-feira, reagindo à problemática que já tinha divulgado sobre o anti-jogo no futebol português.

O técnico dos ‘encarnados’ afirmou: "Perde-se muito tempo de jogo em Portugal; os guarda-redes demoram dez minutos a repor a bola e os treinadores, quando estão a ganhar, pedem para matar! Matar o jogo…" Jorge Jesus deixou o apelo de que "o futebol português precisa de jogadores, árbitros e treinadores para se sentarem à mesa e discutirem a questão do tempo útil de jogo."

Quanto ao encontro desta segunda-feira, o treinador elogiou a formação de Petit, referindo que é uma equipa com "boa ideia de jogo" e afirmou que "é uma das mais difíceis de combater quando joga no seu estádio".

Garantiu, ainda, que o Benfica está a recuperar fisicamente, depois da vaga de Covid-19, que infetou "toda a gente" no clube, e que os jogadores vão voltar à mesma forma com que iniciou a época.

O regresso à boa fase de resultados é urgente, para que as ‘águias’ se aproximem dos três rivais no topo da classificação da I Liga. "Temos muitos pontos em atraso e temos de ganhar e fazer contas jogo a jogo", acrescentou.

Benfica e Belenenses SAD joga-se esta segunda-feira, às 20h45, no Estádio do Jamor.

Benfica Europa Jorge Jesus Belenenses SAD desporto futebol
Ver comentários