Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'

Equipa algarvia venceu na receção ao Desportivo das Aves, mas tinha de aguardar que os adversários diretos pela manutenção.
Lusa 26 de Julho de 2020 às 22:06
Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'
Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'
Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'
Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'
Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'
Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'
Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'
Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'
Portimonense despede-se da I Liga após três épocas no convívio dos 'grandes'
O Portimonense foi este domingo despromovido à II Liga de futebol, depois de três épocas consecutivas no escalão principal do futebol português, apesar da vitória na receção ao Desportivo das Aves, por 2-0.

Sob o comando técnico do treinador Paulo Sérgio, a equipa de Portimão teve de esperar até à última jornada para conhecer o seu destino, já que estava obrigada a vencer o despromovido Desportivo das Aves e dependia de resultados de terceiros.

Além da vitória "obrigatória" sobre o último classificado, os algarvios tinham também de aguardar que os adversários diretos pela manutenção - Vitória de Setúbal e Tondela - não vencessem Belenenses SAD e Moreirense, respetivamente.

A equipa de Portimão começou a época sob o comando de António Folha, treinador que se demitiu em janeiro, após perder na deslocação ao último classificado, o Desportivo das Aves (3-0), no final da primeira volta.

António Folha, de 48 anos, que cumpria a segunda época ao serviço dos algarvios, somou duas vitórias, oito empates e sete derrotas, deixando a equipa no 17.º lugar, com 14 pontos, a um de Paços de Ferreira e Belenenses SAD, os dois clubes logo acima dos lugares de despromoção.

Folha chegou a Portimão em julho de 2018, alcançando o 12.º lugar na época 2018/2019, com 39 pontos, naquele que foi o seu ano de estreia como treinador no escalão principal do futebol português.

Com a saída do ex-internacional português, o comando técnico dos algarvios ficou entregue interinamente a Bruno Lopes, técnico da equipa dos sub-23, que nos três jogos realizados somou outras tantas derrotas - com o Belenenses SAD (2-1), Tondela (1-0) e Sporting (2-1).

Para inverter o período "negro" dos 'alvinegros', de oito jornadas sem vitórias, e manter a esperança na luta pela manutenção, o Portimonense contratou Paulo Sérgio.

O regresso ao futebol português do treinador, de 51 anos, depois de ter treinado os sauditas do Al Taawon, os iranianos do Sanaf Naft e o Dibba Al Fujairah, dos Emirados Árabes Unidos, ficou assinalado na estreia pelos algarvios, com um empate na receção ao Moreirense (1-1), na 21.ª jornada.

Nos quatro jogos disputados até à interrupção do campeonato devido à pandemia da covid-19, em março, sob o comando de Paulo Sérgio, o Portimonense somou dois empates - em casa com o Moreirense (1-1) e Vitória de Setúbal (0-0) e derrotas fora com o FC Porto (1-0) e Sporting de Braga (3-1).

Com o recomeço da competição em junho, o Portimonense voltou às vitórias interrompendo um ciclo de 12 jogos sem vencer, ao bater em Portimão o Gil Vicente (1-0), na 25.ª jornada, e voltou a sonhar com a manutenção.

Os algarvios tiveram então o seu melhor período da temporada, averbando quatro vitórias -- Gil Vicente (1-0), Marítimo (3-2), Famalicão (1-0) e Boavista (1-0), dois empates (Benfica, 2-2, e Santa Clara, 1-1) e derrotas com Guimarães (1-0) e Rio Ave (2-1).

A vitória caseira sobre o Boavista, na 31.ª jornada, colocou a formação de Paulo Sérgio fora dos lugares de despromoção, fazendo com que a permanência entre os 'grandes' dependesse apenas de si próprio.

Contudo, a derrota na deslocação a Paços de Ferreira (2-1), na penúltima jornada, atirou novamente o equipa algarvia para os lugares de despromoção e adiou para a derradeira jornada o desfecho da descida de escalão.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)