Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

"Vandalizações inqualificáveis": Luís Filipe Vieira reage a ameaças feitas ao treinador e jogadores do Benfica

Técnico Bruno Lage e os jogadores Rafa, Pizzi e Grimaldo foram alvo de ameaças durante a noite.
Correio da Manhã 5 de Junho de 2020 às 17:18
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças
Casas de treinador e jogadores do Benfica grafitadas com ameaças

O presidente do SL Benfica, Luís Filipe Vieira, já se pronunciou sobre os ataques de vandalismo feitos durante esta noite de quinta-feira. "Vandalizações inqualificáveis", avançou Vieira após o treinador e os jogadores da equipa dos encarnados terem sido alvos de ameaças.

Recorde-se que tudo aconteceu após o Benfica ter empatado frente ao Tondela, no Estádio da Luz. A seguir ao jogo, os jogadores e técnicos do clube fora surpreendidos à pedrada quando seguiam de regresso para o Seixal. O episódio levou a que Weigl e Zivkovic fossem transportados ao Hospital da Luz, em Lisboa, por terem sido atingidos pelos estilhaços dos vidros partidos do autocarro.. 



De seguida, a fachada das habitações de Bruno Lage e dos jogadores Rafa, Pizzi e Grimaldo foram vandalizadas, com ameaças.

Leia o comunicado na íntegra:
"O Sport Lisboa e Benfica manifesta o seu total apoio e solidariedade para com o nosso treinador Bruno Lage e os nossos jogadores Rafa, Pizzi e Grimaldo, vítimas, esta madrugada, da vandalização das suas residências privadas com diversas inscrições intimidatórias e ameaçadoras.

Do ocorrido, foi de imediato dado conhecimento às autoridades, a quem apelamos o máximo de rigor e exigência na identificação e punição exemplar dos responsáveis por estes atos delinquentes, conforme queixas já apresentadas.

O Sport Lisboa e Benfica reitera o seu profundo repúdio e condenação por estes comportamentos inaceitáveis e inqualificáveis, a que recorrentemente temos assistido no futebol português, e que deverão ser tratados com total intransigência por parte das entidades competentes.

Aproveitamos também para reforçar e manifestar igual apoio e solidariedade para com os jogadores Julian Weigl e Zivkovic, ontem atingidos pelos estilhaços dos vidros partidos ao autocarro dos jogadores e que felizmente se encontram a recuperar bem".




Pizzi Luís Filipe Vieira Rafa Sport Lisboa e Benfica Bruno Lage Grimaldo desporto futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)