Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins

Carlo di Benedetto foi a figura do encontro ao marcar três dos cinco golos.
Lusa 19 de Fevereiro de 2020 às 23:25
FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins
FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins
FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins
FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins
FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins
FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins
FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins
FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins
FC Porto goleia Sporting e aproxima-se do topo no campeonato nacional de hóquei em patins
O FC Porto aproximou-se esta quarta-feira dos lugares cimeiros do campeonato nacional de hóquei em patins, depois de golear o Sporting, por 6-0, em jogo da 17.ª jornada da prova.

Carlo di Benedetto foi a figura do encontro ao marcar três dos cinco golos.

Com este resultado, o FC Porto soma 39 pontos, menos quatro do que o líder Benfica, ocupando o quarto lugar, partilhado com o Óquei de Barcelos, enquanto o Sporting perdeu a liderança partilhada com os 'encarnados' e contabiliza agora 40 pontos.

O FC Porto entrou a vencer, com o italiano Carlo di Benedetto a abrir o marcador logo aos 28 segundos, após uma entrada forte dos 'dragões'.

Ao longo de todo o primeiro tempo, a formação liderada por Guillem Cabestany foi superior e esteve sempre muito perto da baliza de André Girão. Essa pressão acabou por dar mais frutos, ainda antes do intervalo, quando Gonçalo Alves aumentou a vantagem.

O Sporting sentiu, nesta altura, grandes dificuldades em contrariar a supremacia portista, ainda assim, nos minutos finais da primeira parte, conseguiu equilibrar a partida e baixar o ascendente do FC Porto.

No arranque do segundo tempo, os 'leões' tiveram oportunidade de reduzir a desvantagem, mas Xavier Malián foi implacável ao defender uma grande penalidade marcada por Toni Pérez.

Depois disso, e numa altura em que a intensidade do jogo tinha reduzido significativamente, o FC Porto voltou a 'pegar' no jogo, começando a construir a goleada.

Gonçalo Alves, Carlos di Benedetto e Rafa foram os marcadores de serviço, com a pontaria bastante afinada, enquanto o Sporting, muito pobre, não conseguiu progredir no terreno nem, tão pouco, criar situações de perigo que fizessem o FC Porto recuar.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)