Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Viúva de Kobe Bryant herda 183 milhões

Estrela da NBA tinha participação em empresa de bebidas.
Ricardo Tavares 25 de Maio de 2020 às 08:29
Vanessa e Kobe Bryant
Vanessa e Kobe Bryant FOTO: Direitos Reservados
Vanessa Bryant é cada vez mais uma rica herdeira. A viúva da antiga estrela do basquetebol Kobe Bryant acaba de ver o seu pecúlio crescer substancialmente. São ‘apenas’ cerca de 183 milhões de euros que vão entrar para a sua conta bancária por causa de um negócio de bebidas.

Kobe Bryant, mítica figura da NBA, tinha ações numa empresa de bebidas energéticas. A glória dos LA Lakers investiu, inicialmente, cerca de 4,5 milhões de euros na companhia, uns trocos, naturalmente, se considerarmos o dinheiro que foi amealhando pelos seus contratos.

Em 2018, a participação da lenda do melhor basquetebol do mundo cresceu exponencialmente. Os cerca de 4,5 milhões de euros transformaram-se nos tais 183 milhões de euros. É só multiplicar por 40 para se perceber o quanto valorizou o investimento.

A empresa em causa, a BodyAmor, negociou em 2018 com a Coca-Cola parte das ações. A venda permitiu uma valorização significativa à marca de bebidas energéticas. E Bryant é o grande culpado, segundo o fundador da empresa. "A marca não estaria tão bem posicionada se não fosse Kobe Bryant e o que ele fez no projeto entre 2012 e 2013", afirmou Mike Repole.

Quando a transação se concluiu, a participação de Kobe Bryant – desaparecido, tal como a filha Gianna, num acidente de helicóptero, na Califórnia, em janeiro – estava a valer os tais 183 milhões de euros, mais coisa, menos coisa. O montante que a Sra. Bryant herdará chegava, pois, para pagar o que gastaram Atl. Madrid e Man. United com João Félix (120 M €) e Bruno Fernandes (55 M €), respetivamente.
Kobe Vanessa Bryant economia negócios e finanças Informação sobre empresas HERANÇA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)