Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
7

BCP diz que acusações da AdC não estão fundamentadas e vai impugnar multa

Instituição financeira sublinhou que ao longo deste processo, instaurado pela AdC em 2012, teve a oportunidade de prestar "todos os esclarecimentos solicitados"
Lusa 9 de Setembro de 2019 às 22:42
Banco de Portugal
Banco de Portugal FOTO: Tiago Sousa Dias

O BCP vai impugnar judicialmente a coima de 60 milhões de euros imposta pela Autoridade da Concorrência (AdC) pela prática concertada de informação sensível no crédito à habitação, sublinhando que as acusações não estão adequadamente fundamentadas, foi esta segunda-feira anunciado.

"A Comissão Executiva do BCP, perante a decisão que lhe foi notificada e tendo presente o conhecimento que tem deste processo, que acompanhou de forma próxima, decidiu que vai avançar com a respetiva impugnação judicial junto dos tribunais competentes", lê-se na informação remetida à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

A instituição financeira sublinhou que ao longo deste processo, instaurado pela AdC em 2012, teve a oportunidade de prestar "todos os esclarecimentos solicitados" e de expor os motivos pelos quais defende que as acusações que lhe foram dirigidas "não se encontravam adequadamente sustentadas e fundamentadas".

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)