Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

BPN Brasil está em processo de venda

O BPN Brasil está em processo de venda, disse nesta sexta-feira a secretária de Estado do Tesouro e das Finanças, na comissão de inquérito ao BPN, no Parlamento.
11 de Maio de 2012 às 20:34
O presidente do conselho de administração do BIC, Fernando Teles, disse em Março que a compra do BPN Brasil estava a ser avaliada pelo Banco BIC Angola e não pelo BIC Portugal, o comprador do BPN
O presidente do conselho de administração do BIC, Fernando Teles, disse em Março que a compra do BPN Brasil estava a ser avaliada pelo Banco BIC Angola e não pelo BIC Portugal, o comprador do BPN FOTO: Bruno Simão/Jornal de Negócios

Questionada pelo deputado Honório Novo, do Partido Comunista Português (PCP), sobre como está o processo relacionado com o BPN Brasil, a governante disse que neste momento "decorre o processo de venda".

Maria Luís Albuquerque acrescentou que o BPN esteve para ser vendido, em 2009, ao Banco Angolano de Investimentos (BAI), mas que este "desistiu na véspera de assinar" o contrato.

O presidente do conselho de administração do BIC, Fernando Teles, disse em Março que a compra do BPN Brasil estava a ser avaliada pelo Banco BIC Angola e não pelo BIC Portugal, o comprador do BPN.

O deputado do CDS João Almeida questionou também a Secretária de Estado sobre se o Governo está a desenvolver esforços para sensibilizar o BIC para a compra de alguns dos activos do BPN que continuam nas mãos do Estado.

"Quem comprou terá em relação a alguns destes activos um interesse maior, por uma lógica de grupo, mas não iremos sensibilizar o comprador do BPN. Abriremos processos e virão propostas", respondeu a Maria Luís Albuquerque.

A governante já tinha dito anteriormente, numa audição que já dura há mais de cinco horas, que o Estado está a fazer todos os esforços para vender os activos com que ficou do universo BPN, caso das empresas, mas que há entidades para as quais será difícil encontrar comprador "já que só têm valor integradas no grupo e não em separado".

Ainda assim, adiantou, há "um caso bem encaminhado para a venda".

bpn brasil governo comissão de inquérito parlamento bic
Ver comentários