Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

PCP quer saber quem aderiu aos perdões fiscais

O BE também já tinha solicitado informação sobre a adesão ao RERT por parte dos membros da família Espírito Santo.
Diana Ramos 16 de Dezembro de 2014 às 19:31
José Manuel Espírito Santo concedeu autorização para que os deputados acedam à informação por si declarada no RERT
José Manuel Espírito Santo concedeu autorização para que os deputados acedam à informação por si declarada no RERT FOTO: Lusa

O Partido Comunista Português (PCP) entregou um requerimento na comissão parlamentar de inquérito ao BES onde pede a lista dos contribuintes que aderiram aos perdões fiscais.

No requerimento, os deputados do PCP Miguel Tiago, Paulo Sá e Bruno Dias solicitam ao Banco de Portugal "todas as declarações dos contribuintes que recorreram ao RERT (Regime Extraordinário de Regularização Tributária) I, II e III, bem como dos valores envolvidos".

Recorde-se de que quatro dos cinco elementos que integram os vários ramos da família Espírito Santo usaram o RERT para regularizar o montante das comissões recebidas no âmbito do negócio dos submarinos.

O BE também já tinha solicitado informação sobre a adesão ao RERT por parte dos membros da família Espírito Santo.

No Parlamento, José Manuel Espírito Santo, ex-administrador executivo do BES e um dos rostos que aderiu ao perdão fiscal, concedeu autorização para que os deputados acedam à informação por si declarada no RERT.

inquérito BES RERT PCP
Ver comentários