Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Portugueses guardam fortuna em escudos

Trocadas 35 477 notas de escudo em 2019, no valor de 560 mil euros. Há 11,5 milhões guardadas.
Diana Ramos 15 de Abril de 2020 às 11:54
A Valora, do Banco de Portugal, imprimiu no ano passado 101,5 milhões de notas de 5 euros.
A Valora, do Banco de Portugal, imprimiu no ano passado 101,5 milhões de notas de 5 euros. FOTO: Bruno Colaço
Os portugueses ainda guardam 11,5 milhões de notas de escudo que não estão prescritas e que, se fossem trocadas por euros, renderiam o equivalente a 95,7 milhões de euros às famílias. Os números, relativos ao final de 2019, foram ontem tornados públicos pelo Banco de Portugal.

O supervisor financeiro trocou 35 477 notas de escudo no ano passado, no valor de 560 mil euros. Segundo o relatório de emissão monetária, "no final do ano, continuavam ainda em posse do público 11,5 milhões de notas de escudo não prescritas, com um valor equivalente a 95,7 milhões de euros".

O documento mostra que o banco central trocou 37,5 mil notas de euro e de escudo que, em 2019, não apresentavam condições para continuar a circular e avaliou mais de 175 mil notas de euro neutralizadas por dispositivos antirroubo.

Além disso, "foram retiradas de circulação em Portugal 16 350 notas e 3575 moedas contrafeitas, equivalentes a, respetivamente, 2,9% e 1,9% do total de contrafações de notas e moedas retiradas de circulação na área do euro". "Em Portugal, as notas contrafeitas mais frequentes foram as de 50 euros", diz o supervisor, representando 41% do total. Nas moedas, destaca-se a contrafação das de 2 euros.
Ver comentários