Barra Cofina

Correio da Manhã

Famosos
1

Chester Bennington foi encontrado enforcado pela empregada

Revelado áudio da chamada feita para os serviços de emergência.
Pedro Zagacho Gonçalves(pedrogoncalves@cmjornal.pt) 25 de Julho de 2017 às 14:02
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Benington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Benington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Benington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Benington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Benington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Benington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos
Chester Bennington tinha 41 anos

O vocalista dos Linkin Park, Chester Bennington, que cometeu suicídio na passada quinta-feira em casa, em Palos Verdes, Los Angeles, foi encontrado enforcado pela empregada, que entrou em pânico e deu o alerta para a morte do cantor.

O site TMZ revela agora o áudio da chamada feita para os serviços de emergência. A empregada ficou em choque e só conseguia chorara e gritar. Ao sair de casa encontrou o motorista, que foi quem a acalmou e ligou para o 911.

O homem calmamente explica que ia buscar Chester para uma sessão fotográfica quando foi surpreendido pela empregada, que anunciou que o cantor estava morto, enforcado no quarto.

No som de fundo ouve-se a empregada a chorar, enquanto liga para Talinda, mulher de Chester e mãe de três dos seis filhos do cantor, a dar a notícia da tragédia.

Viúva de Chester Bennington recupera após a tragédia

A recuperar da tragédia do suicídio do marido, o vocalista dos Linkin Park Chester Bennington, Talinda Ann Bentley, foi vista fora de casa pela primeira vez deste a morte do cantor esta segunda-feira.

A modelo, de 40 anos, foi fotografada com a filha num centro comercial, perto da casa da família em Palos Verdesm na Califórnia. Talinda é mãe de três dos seis filhos de Chester Bennington.

Logo após surgir a notícia da morte do vocalista dos Linkin Park, o Twitter de Talinda foi alvo de piratas informáticos, que partilharam cinco mensagens perturbadoras sobre a morte de Chester e a vida pessoal do músico. Depressa os fãs pediram aos ‘hackers’ por trás do ataque para que parassem, antes da conta ser encerrada.

Talinda ainda não se pronunciou oficialmente sobre a morte do marido.

Linkin Park prestam homenagem emocionada a Chester

Mike Shinoda, colega de banda e amigo de Chester, disse logo após surgir a notícia que estava "chocado e de coração partido", mas remeteu mais esclarecimentos para um comunicado oficial.

Agora, a banda usou as redes sociais para homenagear Chester Bennington, através de uma mensagem emocionada:

"Querido Chester,

Os nossos corações estão despedaçado. As ondas de luto e negação ainda arrastam as nossas famílias, enquanto ainda estamos a tentar entender o que se passou.

Tu tocaste tantas vidas, talvez mais do que possas imaginar. Nos últimos dias vimos uma torrente de amor e apoio, público e privado, vinda de todo o mundo. A Talinda e a tua família foram confortadas por isso e querem que todo o mundo saiba que tu eras o melhor marido, filho e pai; a família nunca vai estar completa sem ti.

Ao falar contigo sobre os anos que passaríamos juntos éramos infetados pela tua alegria. A tua ausência deixa um vazio que nunca será preenchido – uma voz alta, engraçada, ambiciosa, criativa, gentil e generosa falta na sala. Tentamos lembrar que os demónios que te levaram sempre foram parte do acordo. Até porque foi pelo modo que cantavas sobre esses demónios que toda a gente se apaixonou por ti. Sem medos, punha-los em exposição e, ao fazê-lo, juntavas-nos a todos e ensinavas-nos a sermos mais humanos. Tinhas o maior coração,e usava-lo na manga [estava ao alcance de todos].

O nosso amor por fazer e tocar música é inextinguível. Apesar de não sabermos o caminho que o futuro nos pode trazer, sabemos que cada uma das nossas vidas foi tornada melhor por tua causa. Obrigado por esse dom. Nos amamos-te e vamos sentir tanto a tua falta.

Até que nos vejamos outra vez."

A publicação já se tornou viral nas redes sociais, contando milhões de partilhas e  ‘gostos’.

Ver comentários