Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
2

Homem declarado morto acorda no momento em se preparavam para o embalsamar

Peter Kigen, portador de uma doença crónica foi transportado de urgência para o hospital depois de ter desmaiado em casa, no Quénia.
Correio da Manhã 27 de Novembro de 2020 às 17:44
Peter Kigen
Caixão
Peter Kigen
Caixão
Peter Kigen
Caixão

Um homem acordou várias horas depois de ter sido declarado morto pelos médicos, no momento em que um funcionário da morgue se preparava para cortar a perna para embalsamar o corpo.

Peter Kigen, portador de uma doença crónica foi transportado de urgência para o hospital Kapkatet depois de ter desmaiado em casa, no Quénia.

O óbito acabou por ser declarado já na unidade hospitalar e o homem de 32 anos foi transferido para a morgue. De acordo com o jornal Mirror, Kigen acordou a chorar no momento em que os funcionários procediam a uma incisão na perna direita como parte do processo de embalsamento.

Numa primeira reação, os funcionários mostraram-se chocados e devolveram depois o doente às urgências do hospital para que pudesse ser observado.

Peter Kigen saúde hospitais morgue embalsamento negligência Quénia
Ver comentários