Barra Cofina

Correio da Manhã

Insólitos
2

Rainha Isabel II vende gin para ‘repor’ 30 milhões em falta nos cofres devido ao coronavírus

Ingredientes usados na bebida são colhidos à mão no Palácio de Buckingham.
Pedro Zagacho Gonçalves 14 de Julho de 2020 às 09:36
Isabel II é fã assumida de gin
Gin do Palácio de Buckingham
Gin do Palácio de Buckingham
Isabel II é fã assumida de gin
Gin do Palácio de Buckingham
Gin do Palácio de Buckingham
Isabel II é fã assumida de gin
Gin do Palácio de Buckingham
Gin do Palácio de Buckingham

Caso para dizer que a crise causada pela pandemia do novo coronavírus chega a todos: a rainha Isabel II começou a vender gin para repor o ‘desfalque’ de mais de 30 milhões nos cofres de Buckingham, causado pela crise da covid-19. A nova bebida com a chancela do Palácio de Buckingham é feita com ingredientes colhidos à mão nos jardins do palácio e custa cerca de 47 euros a garrafa.

A Royal Collection Trust, responsável pela gestão do património (artístico e imobiliário) da realeza inglesa registou avultadas perdas, uma vez que os museus, galerias de arte e palácios estão fechados para as visitas do público, pelo que a instituição, liderada por Isabel II, decidiu diversificar o negócio.

A forma perfeita de matar a sede no verão, deve servir-se num copo baixo com gelo uma medida de gin, antes de encher até ao topo com água tónica e acompanhar com uma rodela de limão", lê-se no site oficial.

A bebida destilada é aromatizada com 12 botânicos, incluindo verbena, limões, folhas de louro, folhas de amoreira e bagas de espinheiro, tudo colhido nos jardins da rainha Isabel II.