Barra Cofina

Correio da Manhã

Especiais
8

Chega retira confiança política a deputada municipal no Bombarral

Foi exigido que Rute Oliveira renunciasse ao mandato, o que não veio a acontecer, tendo a deputada tomado posse na sexta-feira.
Lusa 18 de Outubro de 2021 às 18:37
Partido Chega
Partido Chega FOTO: Direitos Reservados
O Chega retirou a confiança política à única deputada eleita pelo partido na Assembleia Municipal do Bombarral, depois de esta ter deixado de ser militante por alegadas divergências com a comissão política concelhia, foi esta segunda-feira divulgado.

O presidente da comissão política concelhia, João Hermenegildo, que foi o candidato à câmara pelo partido nas eleições autárquicas, disse à agência Lusa que a distrital e a nacional "decidiram por unanimidade retirar a confiança política" à deputada por "falta de lealdade política, comportamento indisciplinado e má-fé que colocou na sua relação com o partido".

Foi também exigido que Rute Oliveira renunciasse ao mandato, o que não veio a acontecer, tendo a deputada tomado posse na sexta-feira.

Contactada pela Lusa, a deputada não quis prestar declarações.

O presidente da concelhia explicou que, tendo em conta que PS e PSD alcançaram o mesmo número de mandatos (nove), CDU, CDS-PP e Chega, com um eleito cada um, "ganharam mais peso" por serem os "fiéis da balança".

A Assembleia Municipal é ainda composta pelos quatro presidentes das juntas de freguesia, dois do PS e outros dois do PSD.

João Hermenegildo alegou incompatibilidades entre si e Rute Oliveira, o que a levou a se desvincular de militante do partido e a entregar, no dia 29 de setembro, uma carta na sede nacional "a manifestar a sua intenção de tomar posse como independente na Assembleia Municipal do Bombarral", no distrito de Leiria.

Ver comentários