Barra Cofina

Correio da Manhã

Eu Repórter CM
6

Nova ETAR avança em Abrantes

Parte dos esgotos da cidade de Abrantes está a correr a céu aberto e vai parar directamente ao rio Tejo, sem qualquer tipo de tratamento.
28 de Abril de 2009 às 00:30
Nova ETAR avança em Abrantes
Nova ETAR avança em Abrantes

Tal deve-se ao facto de a  Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) dos Carochos estar muito degradada e votada ao abandono. Este problema ambiental  já se arrasta há anos.

Manuel António, Abrantes

A RESPOSTA

As soluções apresentadas pela autarquia à Administração da Região Hidrográfica do Tejo passam pela instalação imediata de uma ETAR compacta, que dará o devido tratamento ao efluente, enquanto não se constrói uma nova ETAR no local. A futura ETAR dos Carochos terá uma capacidade de tratamento para um aglomerado populacional de 2500 a 5000 pessoas.

As anomalias verificadas devem-se a um processo judicial que se arrasta há dez anos entre o município e a empresa construtora. A Câmara recusou-se a aceitar a empreitada, uma vez que não correspondia ao que era exigido em caderno de concurso.

Maria do Céu Albuquerque, Vereadora da Câmara Municipal de Abrantes

Ver comentários