Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais CM
2

Cordeiro dos Santos (1932-2015)

Presidente do Boavista e do ténis. Pai de dois campeões nacionais de pares.
Leonardo Ralha 12 de Setembro de 2015 às 00:30
Cordeiro dos Santos (ao centro), de 83 anos, foi sepultado ontem
Cordeiro dos Santos (ao centro), de 83 anos, foi sepultado ontem FOTO: Pedro Ferreira
Homem do desporto, e não apenas daquele a que chamam rei, Manuel Cordeiro dos Santos, morto nesta quarta-feira, aos 83 anos, presidiu ao Boavista, entre 1972 e 1974, mas logo se dedicou àquilo que mais o fascinava. Enquanto presidente da Federação Portuguesa de Ténis, de 1976 a 1979 (voltou ao cargo mais tarde, de 1991 a 1992), procurou apoios para evoluir o nível competitivo.

Pai de Pedro Cordeiro e José Manuel Cordeiro, que foram campeões nacionais de pares, foi presidente do Clube de Ténis do Porto. Derrotado pelo cancro, foi ontem sepultado no Cemitério de Agramonte, na mesma cidade.