Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais Sobre
4
Saber mais sobre Conselho De Administração Da Ren
17:58 | 07/03

REN propõe pagar 17 cêntimos por ação

O conselho de administração da REN vai propor o pagamento de um dividendo de 17 cêntimos por ação relativo a 2012, acima do valor pago há um ano, segundo o presidente da empresa Rui Cartaxo.
00:28 | 01/03

REN: Victor Baptista afastado

O novo Conselho de Administração da REN – Redes Eléctricas Nacionais – não conta com o nome de Victor Baptista, quadro da empresa desde 2001, actual administrador executivo e considerado o ‘braço direito’ do ex-presidente, José Penedos. A lista que será proposta à Assembleia Geral de dia 15 foi conhecida ontem.
00:30 | 18/12
Governo impõe 475 € no salário mínimo

Governo impõe 475 € no salário mínimo

Afirmando que "os acordos são para ser cumpridos", a ministra do Trabalho rejeitou ontem as tentativas dos patrões para travar o aumento do salário mínimo em 2010 e impôs a actualização para os 475 euros. Ainda assim, Helena André ofereceu algumas contrapartidas às confederações patronais.
22:00 | 01/12
Arquivamento criou problema jurídico

Arquivamento criou problema jurídico

Dois dias depois de Pinto Monteiro ter reunido com os responsáveis do Ministério Público de Coimbra e de Aveiro – e não com os investigadores, conforme o próprio tinha anunciado – para decidir se poderia tornar público o despacho que arquivou as suspeitas contra José Sócrates mantém-se a dúvida. O procurador-geral da República continua à espera de mais elementos, que deverão ser fornecidos pelos responsáveis directos da investigação, mas diversas fontes do Ministério Público garantem ao CM estar-se agora perante um problema jurídico de difícil resolução.
02:00 | 26/11
Prendas afastam Penedos da REN

Prendas afastam Penedos da REN

José Penedos recebeu prendas de Natal de Manuel Godinho entre 2002 e 2007. O único ano em que nada lhe terá sido dado foi 2005, segundo a investigação da Polícia Judiciária de Aveiro. Foi esse o ‘pagamento’ detectado pelos investigadores que entenderam haver indícios da prática de corrupção passiva.
02:00 | 19/11
Caução milionária para Penedos

Caução milionária para Penedos

Paulo Penedos, filho do presidente do conselho de administração da REN, alega que está na falência. A informação de que está afogado em dívidas foi dada pelo seu advogado, anteontem, ao juiz de instrução de Aveiro, depois de o Ministério Público ter proposto que lhe fosse aplicada uma caução de 250 mil euros.
02:00 | 10/11
Godinho dá dois cheques ao CDS (ACTUALIZADA)

Godinho dá dois cheques ao CDS (ACTUALIZADA)

Totalizam cerca de 20 mil euros e foram enviados para o CDS-PP em Novembro e Dezembro de 2001. Estávamos na altura em eleições legislativas, Paulo Portas era candidato à Câmara de Lisboa e presidente do partido. Os dois cheques, encontrados pela Polícia Judiciária de Aveiro durante a investigação do ‘Face Oculta’ saíram da conta de Manuel Godinho, agora em prisão preventiva. Há ainda um outro cheque de 10 mil euros para um então dirigente do CDS, Narana Coisseró, que já assumiu em entrevistas públicas ter sido advogado do empresário da sucata, após o negócio da Expo’98. As autoridades põem tudo, no entanto, no mesmo rol e fazem a ligação ao partido em ambos os casos.
22:00 | 06/11
Penedos abre portas da REN a Godinho (ACTUALIZADA - C/ VÍDEO)

Penedos abre portas da REN a Godinho (ACTUALIZADA - C/ VÍDEO)

José Penedos, presidente do conselho de administração da Rede Eléctrica Nacional (REN), não só "concordou", como "estimulou" a intermediação proposta por Manuel Godinho e aceite pelo seu filho Paulo "para exercer o poder que o cargo lhe conferia". Quem o diz é o juiz de instrução criminal que no despacho a determinar a prisão preventiva de Godinho, no âmbito do processo ‘Face Oculta’, explicou os passos dados pelo clã Penedos "no sentido de favorecer as empresas de Godinho".
02:00 | 05/11
Vara ouvido em almoço com Godinho (ACTUALIZADA)

Vara ouvido em almoço com Godinho (ACTUALIZADA)

Armando Vara e Manuel Godinho encontraram-se em Vinhais em Fevereiro deste ano, mas nunca marcaram qualquer encontro por telemóvel. O empresário de Ovar era tido como um homem bastante cauteloso, e as suas conversas telefónicas nunca eram explícitas. Diz o despacho que determinou a prisão preventiva de Godinho que só a partir do primeiro encontro de 7 de Fevereiro Vara e o empresário começaram a falar ao telefone. Mesmo assim, as conversas eram inócuas, servindo apenas para marcar encontros.
02:00 | 21/09
REN paga prémios de gestão milionários (ACTUALIZADA)

REN paga prémios de gestão milionários (ACTUALIZADA)

Os cinco administradores executivos da REN – Redes Energéticas Nacionais – receberam, em 2008, quase 1,34 milhões de euros em prémios de gestão. Ao todo, no ano passado, a REN pagou à administração executiva, incluindo gestores de outras firmas participadas pela REN, 1,41 milhões de euros. José Penedos, presidente desta empresa de maioria de capital público, diz que "quem responde pelas remunerações das empresas cotadas [em Bolsa, como é o caso da REN] são as comissões de remuneração e não os gestores". O presidente da REN, que foi reconduzido no cargo em 2007 pelo actual Governo, frisa que a empresa registou "o melhor desempenho, em 2008, no PSI 20", índice de referência da Bolsa.
Mais notícias