Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais Sobre
2
Saber mais sobre Hélder Santos
07:00 | 23/01
Como vencer a fadiga extrema

Como vencer a fadiga extrema

Dor de cabeça, insónias, respostas agressivas, desmotivação e uma fadiga imensa. Se reconhece estes sintomas é porque está a sofrer de stress crónico e vai precisar de ajuda.
00:30 | 14/06
“Iam juntos para boîtes”

“Iam juntos para boîtes”

Celestina Oliveira, ex-mulher de Hélder Santos, que anteontem foi esfaqueado pelo cunhado em Arouca, garantiu ao CM que não está relacionada com a discussão dos dois homens.<br/><br/>
00:30 | 13/06
Esfaqueia 6 vezes o cunhado

Esfaqueia 6 vezes o cunhado

As discussões entre Hélder Santos, de 37 anos, e o cunhado, José Carlos, eram frequentes e as ameaças de morte cada vez mais constantes.
00:30 | 20/02
Tribunal retira culpa na morte

Tribunal retira culpa na morte

Rosa Patrício, de 46 anos de idade, morreu no dia 17 de Janeiro do ano passado, pouco depois das 11 horas da manhã, atropelada no Largo de Santo Amaro, em Lagos, por um camião-grua roubado de umas obras por João Soares Martins. Este foi ontem absolvido do crime de homicídio qualificado por o tribunal ter dado como provada a intervenção de uma terceira pessoa, que desviou o pesado de uma esplanada.
00:30 | 22/01
“Não me lembro”

“Não me lembro”

"Não sei o que me deu. Não me lembro, tenho uma ideia vaga. Lamento o sucedido". Foi assim que João Soares Martins, o homem que roubou um camião e atropelou mortalmente uma mulher, depois de se ter lançado numa corrida tresloucada pelas ruas de Lagos, justificou ontem no tribunal da cidade o sucedido a 17 de Janeiro de 2009.
00:30 | 19/01
“Fiz o que tinha de ser feito. Não sou herói”

“Fiz o que tinha de ser feito. Não sou herói”

Sentado no sofá, a perna ferida pousada sobre um banco e cheio de dores. Apesar de tudo, Helder Santos, de 54 anos, era ontem um homem tranquilo: "Fiz o que tinha de ser feito." Na véspera, a sua intervenção, ao saltar para um camião furtado e conduzido por um jovem fora de si – torcendo a direcção para que o pesado não investisse contra uma esplanada e um café, no Mercado de Santo Amaro, Lagos – salvou dezenas de pessoas da morte. O acto heróico não foi, contudo, suficiente para impedir a morte de uma mulher de 46 anos, atropelada no local, bem como ferimentos em mais seis pessoas, além de si e do condutor. <br/><br/>
00:00 | 01/01
Vidas comuns, nobres gestos

Vidas comuns, nobres gestos

São pessoas como nós que, em determinado momento, escaparam à segurança do quotidiano. Tudo pelo outro, sem olhar à própria vida. As histórias que se seguem falam de uma peixeira, um electricista, um agricultor, um maqueiro e de um trio de empregados de restauração que, quando a vida os convocou, responderam com determinação. Perante as chamas, um camião desgovernado, a ameaça das armas ou a fúria do mar.
11:50 | 31/05
NEPAL CONDECORA JOÃO GARCIA

NEPAL CONDECORA JOÃO GARCIA

O experiente alpinista português João Garcia foi condecorado pelo governo do Nepal depois de, juntamente com Bruno Carvalho, Hélder Santos e Rui Rosado, ter chegado ao majestoso Cume do Pumori, apelidado ‘filho solteiro’ do Evereste, a 7.161 metros de altitude.
Mais notícias