Barra Cofina

Correio da Manhã

Mais Sobre
2
Saber mais sobre José João Zoio
00:30 | 03/10
Corrida de gala teve bom nível

Corrida de gala teve bom nível

A empresa do Campo Pequeno queria mostrar na quinta-feira, sobretudo aos mais jovens, como era uma Tourada de Gala no século XVIII, e encontrar um triunfador para fechar o cartel da corrida que encerra a temporada no dia 15.
00:30 | 05/09
Cinco mil para matadores

Cinco mil para matadores

A corrida mista de quinta-feira levou ao Campo Pequeno cinco mil pessoas que viram uma excelente faena do matador Miguel Angel Perera, pela primeira vez em Lisboa. Na segunda o toiro de Varela Crujo não correspondeu.
00:30 | 04/09
Último adeus a João Zoio

Último adeus a João Zoio

Foram muitos os familiares, colegas e amigos que ontem prestaram a última homenagem ao cavaleiro tauromáquico José João Zoio. Cinha Jardim, José Castelo Branco e Sofia Cerveira, três apreciadores da festa de toiros, foram alguns dos que marcaram presença em Colares, onde o corpo esteve em câmara ardente desde quarta-feira, sendo cremado no Cemitério de Rio de Mouro.
00:30 | 02/09
Partir mas não morrer...

Partir mas não morrer...

Éramos e vamos continuar a ser amigos! De longa data. Desde que em 1968 o convidei para se estrear no Campo Pequeno, na garraiada do Liceu Gil Vicente. José João Zoio era então representado pelo bandarilheiro Manuel Joaquim dos Santos, sendo seu Pai supervisor de uma estratégia que havia de o levar a ser ‘Figura’, verdadeira referência do toureio a cavalo português.
00:30 | 02/09
Coração traiu Zoio

Coração traiu Zoio

José João Zoio, cavaleiro tauromáquico já retirado, morreu na noite de segunda-feira, vítima de paragem cardíaca, em casa, na Praia das Maçãs, Sintra. Momentos antes Zoio regressava a casa após ter estado com amigos. No percurso sentiu-se mal, estacionou e pediu ajuda, e ainda conseguiu chegar a casa, onde viria a falecer. O funeral realiza-se amanhã, com missa às 12h00 da Igreja de Colares, Sintra, para o Cemitério de Rio de Mouro, onde será cremado.
00:30 | 25/07
A noite dos Bastinhas

A noite dos Bastinhas

O Campo Pequeno encheu quinta-feira à noite e o espectáculo, bem dirigido por José Tinoca, foi agradável com bom curro de toiros de Maria Guiomar C. Moura. Duarte Pinto, que recebeu a alternativa concedida por seu pai, Emídio Pinto, deixou ferragem aceitável e bregou bem, tal como no toiro que encerrou a corrida, numa lide a duo com seu pai.
00:30 | 05/06
“Grato aos toiros, cavalos e público”

“Grato aos toiros, cavalos e público”

A noite de hoje ficará na história da tauromaquia nacional. João Moura celebra, na praça do Campo Pequeno, 30 anos de alternativa do cavaleiro, correspondendo a outras tantos anos de uma brilhante carreira
Mais notícias