Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
3

Empresário raptado nos arredores de Maputo

Dono da empresa Empatel Serviços Aduaneiros foi levado para um dos carros dos supostos raptores.
Lusa 13 de Agosto de 2020 às 14:04
Polícia Moçambicana
Polícia Moçambicana FOTO: Getty Images
Um empresário do setor aduaneiro foi raptado na noite de terça-feira na província de Maputo, no sul de Moçambique, disse esta quinta-feira à Lusa fonte do Serviço Nacional de Investigação Criminal (Sernic).

Artur Magaia, dono da empresa Empatel Serviços Aduaneiros, terá sido interpelado por volta das 19h30 locais (18h30 em Lisboa) por duas viaturas, tendo sido forçado a abandonar o seu veículo e levado para um dos carros dos supostos raptores, disse Benjamina Chaves, diretora provincial do Sernic.

"Tudo indica que ele voltava do serviço. Os raptores abandonaram o carro do empresário no local", referiu a mesma fonte, acrescentando que decorrem diligências para a localização da vítima e a responsabilização dos supostos raptores.

Maputo Moçambique Serviço Nacional de Investigação Criminal Sernic crime lei e justiça rapto
Ver comentários