Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
7

Ex-presidente do Chade libertado provisoriamente devido à pandemia de coronavírus

Hissène Habré foi condenado a prisão perpétua em 2016 por crimes contra a humanidade.
Correio da Manhã 8 de Abril de 2020 às 12:28
Hissène Habré
Hissène Habré FOTO: EPA

Hissène Habré, antigo presidente do Chade, em África, foi autorizado pela justiça senegalesa a sair provisoriamente da prisão de Dacar, devido à pandemia do novo coronavírus que se vive atualmente em todo o Mundo.

Segundo avança a rádio RFI, o ex-ditador de 77 anos vai sair da prisão onde está a cumprir pena de prisão perpétua, por um período de 60 dias, cerca de dois meses. Recorde que Habré foi condenado a 30 de maio de 2016 por crimes contra a humanidade, após um julgamento que ocorreu em Dacar.

A mesma publicação dá conta de que esta medida tem como objetivo proteger o antigo ditador, que governou o Chade de 1982 a 1990, da Covid-19.

Chade Hissène Habré África Mundo Dacar política questões sociais coronavírus
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)