Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
9

Imigração ilegal de Moçambique agrava situação humanitária na fronteira com África do Sul

Nos últimos dois dias foram detidos cerca de 300 imigrantes ilegais moçambicanos.
Lusa 15 de Janeiro de 2021 às 00:21
Bandeira de Moçambique
Bandeira de Moçambique FOTO: Getty Images
O comité parlamentar sul-africano para os Assuntos da Imigração considerou preocupante a situação humanitária na fronteira com Moçambique, após a detenção de cerca de 300 imigrantes ilegais moçambicanos nos últimos dois dias.

O deputado Bongani Bonga, do Congresso Nacional Africano (ANC, sigla em inglês), no poder, que preside ao comité parlamentar para os Assuntos da Imigração, destacou esta quinta-feira a falta de distanciamento social assim como a detenção em grande escala de imigrantes ilegais moçambicanos, durante uma visita ao posto de fronteira sul-africano de Lebombo, no lado oposto a Ressano Garcia, em Moçambique.

"O ministro do Interior [Aaron Motsoaledi] deve assumir a responsabilidade porque todas as instituições aqui presentes reportam à direção de fronteiras. O ministro deve explicar ao parlamento o que está a acontecer nesta fronteira e a razão pela qual não há vontade política para implementar as medidas anunciadas pelo Presidente da República", adiantou Bongani Bongo, em declarações ao canal de televisão sul-africano ENCA.

Ver comentários