Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Mais de 10 mil pessoas afetadas pelas cheias na província angolana de Benguela

Chuvas fizeram transbordar caudal do rio Coporolo.
Lusa 5 de Dezembro de 2019 às 23:34
Benguela
Benguela FOTO: Direitos Reservados
Fortes chuvas que caíram sobre a comuna do Dombe Grande, na província angolana de Benguela, fizeram transbordar o rio Coporolo, deixando sitiados mais de 10 mil habitantes da povoação do Lucho.

Segundo o administrador da comuna do Dombe Grande, Edgar Fernandes, o caudal do rio aumentou devido às chuvas, que caíram na quarta-feira, e as fazendas na zona do Luacho, à beira do rio, ficaram inundadas.

Edgar Fernandes disse que os diques de proteção apresentam ruturas, o que permitiu o vazamento das águas para as fazendas.

"Não temos nenhuma ponte de travessia, a travessia é feita no rio, nessa altura o caudal aumentou e não se pode ir para o Luacho via terrestre", disse o responsável, em declarações à rádio pública angolana.

O administrador comunal do Dombe Grande frisou que, sem meios para solucionar o problema, o que a administração está a fazer "é mobilizar a população que vive à beira do rio para irem para zonas seguras".

Ver comentários