Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
5

Um morto e três feridos após explosão de mina antitanque em Angola

Dois sobreviventes tiveram já alta hospitalar. O terceiro será submetido a uma operação para amputação das pernas.
Lusa 16 de Dezembro de 2019 às 16:56
Um morto e três feridos é o resultado da explosão de uma mina antitanque, nos arredores da cidade do Luena, capital da província do Moxico, no leste de Angola, noticiou esta segunda-feira a imprensa local.

O acidente ocorreu no sábado, quando as vítimas na tentativa de retirada de alumínio para comercialização provocaram a explosão do engenho.

Dos sobreviventes, dois tiveram já alta hospitalar por apresentarem ferimentos ligeiros, enquanto o terceiro será submetido a uma intervenção cirúrgica para amputação dos membros inferiores.

De acordo com a agência noticiosa angolana, Angop, este é o segundo acidente com minas que se regista este ano no Moxico, tendo no primeiro a vítima ficado com uma perna amputada devido a uma mina antipessoal.

Em 2018, a província registou um total de oito acidentes com minas e viu removidas e destruídas pelas quatro instituições de desminagem 576 minas antipessoais, 67 antitanque, 1.437 projéteis e 4.063 munições diversas.

Angola Luena Moxico distúrbios guerras e conflitos armamento
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)