Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

António Costa anuncia que Comissão Europeia vai preparar "passaporte sanitário" da Covid-19 para circulação na União Europeia

Documento deverá estar pronto até ao verão, garante o primeiro-ministro.
26 de Fevereiro de 2021 às 12:03
Desafio do Plano de Recuperação e Resiliência é identificar projetos exequíveis até 2026, afirma Costa
Desafio do Plano de Recuperação e Resiliência é identificar projetos exequíveis até 2026, afirma Costa

António costa anunciou, esta sexta-feira, que a Comissão Europeia vai preparar documento para facilitar a circulação entre países da União Europeia, que permite atestar de forma não identificada se a pessoa que pretende viajar está  ou já esteve infetada com Covid-19, se já está vacinada ou realizou teste que comprove que não está contaminada e por isso, ficar autorizada a circular.

Segundo o primeiro-ministro o documento poderá estar pronto até ao verão.

António Costa salientou que todos os líderes europeus se comprometeram a colaborar na vacinação em particular nos países africanos e garante que todos percebem "que é preciso acelerar a vacinação" a nível mundial. 

O primeiro-ministro disse ainda que a indústria portuguesa irá contribuir certamente para o "esforço coletivo" acordado entre todos os Estados-membros no sentido de aumentar a capacidade de produção de vacinas contra a covid-19 na União Europeia. António Costa apontou que Portugal já comunicou a Bruxelas "as capacidades diversas" da indústria farmacêutica portuguesa "para poderem colaborar nas diferentes fases de produção de uma vacina".

"Esperamos e temos a certeza de que a nossa indústria dará o seu melhor para poder colaborar neste esforço coletivo", afirmou.

















Ver comentários