Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
2

António Guterres pede aliança internacional para combater ascensão neonazi

Secretário-geral da ONU relembrou que quase dois terços dos jovens norte-americanos não conhecem as mortes que ocorreram durante Holocausto.
Lusa 26 de Janeiro de 2021 às 08:37
António Guterres
António Guterres FOTO: Reuters
O secretário-geral da ONU pediu uma aliança internacional coordenada contra o crescimento do neonazismo e da supremacia branca, xenofobia, antissemitismo e discurso do ódio provocado em parte pela pandemia da covid-19.

António Guterres defendeu também uma ação global "para combater a propaganda e a desinformação" e apelou para uma maior educação sobre as ações nazis durante a Segunda Guerra Mundial, salientando que quase dois terços dos jovens norte-americanos não sabem que seis milhões de judeus foram mortos durante o Holocausto.

Guterres falava na segunda-feira no Dia Internacional da Lembrança do Holocausto da ONU em que foi assinalado o 76.º aniversário da libertação do campo de concentração de Auschwitz-Birkenau, realizado virtualmente este ano por causa da covid-19.

António Guterres Dia Internacional da Lembrança do Holocausto da ONU questões sociais política partidos
Ver comentários