Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
8

Boneca e fotos de bebés descobertas no quarto onde Michael Jackson foi encontrado morto

Documentário centra-se nas circunstâncias em torno da morte do músico e revela também fotografias do interior do quarto de Jackson.
24 de Junho de 2019 às 17:32
Michael Jackson
Michael Jackson
Michael Jackson
michael jackson, morte, propofol, rei da pop
Michael Jackson
Michael Jackson
Michael Jackson
michael jackson, morte, propofol, rei da pop
Michael Jackson
Michael Jackson
Michael Jackson
michael jackson, morte, propofol, rei da pop
Depois de Neverland, o documentário da HBO sobre os alegados abusos que o músico Michael Jackson terá levado a cabo durante anos contra crianças, vai ser editado um novo documentário sobre o autor de "Billie Jean". Neste novo projeto estreado este sábado no Reino Unido surgem imagens exclusivas do quarto em que Michael Jackson foi encontrado morto, a 25 de junho de 2009. Nesse quarto havia rascunhos, pedaços de papel e imagens de anúncios com bebés.

No documentário Killing Michael Jackson, centrado nas circunstâncias que rodearam a morte do Rei da Pop, os três detetives envolvidos na investigação em torno da morte do músico revelaram o que encontraram no quarto do músico de Thriller, incluindo uma boneca em tamanho real e imagens publicitárias de bebés.

Orlando Martinez, Dan Myers e Scott Smith afirmam que havia "notas escritas em post-its, pedaços de papel colados nas paredes, nos espelhos e nas portas do quarto com pequenos slogans ou frases". "Não sei se eram letras ou pensamentos. Alguns pareciam poemas", disse Martinez. 

Supostamente o músico, que estava a preparar uma digressão mundial, estaria a receber tratamentos naquele quarto. Mas segundo o detetive Orlando Martinez, o quarto onde foi encontrado "não parecia um quarto apropriado para prestar qualquer tipo de tratamento".

Escondido na propriedade de Jackson estava um saco de medicamentos do médico, onde os detetives encontraram substâncias usadas no tratamento do músico, como o propofol. "Encontrámos todo o tipo de lixo. As agulhas, as garrafas vazias, tudo o que deveria estar presente no quarto quando lá chegámos".

Michael Jackson foi encontrado morto no seu quarto em junho de 2009. A sua morte foi atribuída ao consumo do anestésico propofol que teria sido receitado pelo seu médico, Conrad Murray. O médico cumpriu uma pena de dois anos de prisão por homicídio involuntário do músico.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)