Barra Cofina

Correio da Manhã

Mundo
6

Boris Johnson recebe salvadores do SNS britânico

Português cuidou do PM do Reino Unido quando este teve Covid-19.
Maria Vaz 7 de Julho de 2020 às 08:44
Luís Pitarma e a enfermeira neozelandesa Jenny McGee com Boris Johnson
Locais fechados aumentam risco
Luís Pitarma e a enfermeira neozelandesa Jenny McGee com Boris Johnson
Locais fechados aumentam risco
Luís Pitarma e a enfermeira neozelandesa Jenny McGee com Boris Johnson
Locais fechados aumentam risco
O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, recebeu no domingo o enfermeiro português Luís Pitarma e outros profissionais de saúde que lhe salvaram a vida quando esteve infetado com Covid-19.

O enfermeiro natural de Aveiro foi um dos profissionais que trataram de Boris Johnson quando este esteve internado uma semana no hospital de St. Thomas, em Londres, em abril. Luís Pitarma, de 29 anos, passou várias noites seguidas junto de Johnson, juntamente com a enfermeira neozelandesa Jenny McGee, quando o primeiro-ministro apresentava um quadro clínico mais delicado.

Boris Johnson já tinha agradecido publicamente aos dois profissionais quando teve alta hospitalar, a 12 de abril, afirmando que lhe salvaram a vida. A receção fez parte das celebrações dos 72 anos do Serviço Nacional de Saúde britânico, e decorreu em Downing Street, a residência oficial do PM britânico.

pormenores
Índia é terceira em casos
A Índia ultrapassou esta segunda-feira a Rússia e já é o terceiro país do Mundo com mais casos de coronavírus em todo o Mundo, atrás dos EUA e do Brasil, com mais de 720 mil casos confirmados.

Austrália fecha fronteira
Pela primeira vez num século, a Austrália vai fechar a fronteira interna entre os estados de Victoria e Nova Gales do Sul, numa tentativa de conter o surto de Covid-19 que está a crescer na região de Melbourne.

Remdesivir a acabar
A Alemanha tem apenas “algumas centenas de doses” do antiviral remdesivir, usado para tratar os casos mais graves de Covid-19, após os EUA terem comprado o stock mundial para os próximos três meses.

5% têm anticorpos
Um estudo com 70 mil pessoas revelou que 5% dos espanhóis que estiveram expostos ao coronavírus possuem anticorpos, e que a imunidade face ao vírus pode ser de curta duração.

Centenas de cientistas contradizem a OMS
Um total de 239 cientistas de 32 países escreveram uma carta aberta à OMS a pedir para rever as suas recomendações sobre a transmissão do Covid-19 pois, segundo afirmam, existem provas crescentes de que o novo coronavírus pode permanecer no ar em espaços fechados e infetar as pessoas que estiverem no interior. OMS fala apenas em transmissão de pessoa para pessoa.
Mais informação sobre a pandemia no site dedicado ao coronavírus - Mapa da situação em Portugal e no Mundo. - Saiba como colocar e retirar máscara e luvas - Aprenda a fazer a sua máscara em casa - Cuidados a ter quando recebe uma encomenda em casa. - Dúvidas sobre coronavírus respondidas por um médico Em caso de ter sintomas, ligue 808 24 24 24
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)